Corinthians inaugura busto em homenagem ao ex-lateral Wladimir

·1 minuto de leitura


Na manhã desta terça-feira (1º), o Corinthians inaugurou um busto em homenagem ao jogador que mais atuou com a camisa do clube: Wladimir. O evento foi marcado exatamente no dia em que se completaram 49 anos da primeira vez que o ex--lateral vestiu pela primeira vez a camisa alvinegra como profissional, em 1972.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2021 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

GALERIA
> Relembre o desempenho do Corinthians no Brasileirão por pontos corridos

Com 806 jogos entre 1972 e 1987, Wladimir ficará eternizado no Parque São Jorge com a homenagem, que reuniu dirigentes corintianos e ex-companheiros do ídolo na época em que defendeu a camisa corintiana.

Além de ser recordista de jogos disputados pelo clube, Wladimir foi protagonista em dois dos mais importantes momentos da história do Corinthians: o título do Campeonato Paulista de 1977, que acabou com o jejum de troféus, e a idealização e participação no movimento Democracia Corinthiana, ação sociopolítica inédita no futebol mundial, no início dos anos 80.

A data escolhida para o evento, 1º junho, é especial, pois, neste mesmo dia, há 49 anos, o ex-lateral vestia pela primeira vez o manto do Corinthians, contra o Besiktas, em Istambul, em um amistoso, que teve vitória do Timão por 3 a 0.

Wladimir, atualmente com 66 anos, se junta a outros nomes que já haviam recebido a homenagem do clube, como Neco, Cláudio, Baltazar, Luizinho, Sócrates, Rivellino, Teleco, Ronaldo Giovaneli e Marcelinho Carioca.

Com o manto alvinegro, Wladimir conquistou quatro Campeonatos Paulistas: 1977, 1979, 1982 e 1983. Após a aposentadoria, o ídolo participou em diversas ocasiões da equipe Master, que realiza jogos-exibição por todo o Brasil.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos