Corinthians fez proposta para ter Cristiano Ronaldo; entenda

Presidente do Corinthians afirmou que a oferta do clube foi de salário igual ao que o português recebia no Manchester United.
Presidente do Corinthians afirmou que a oferta do clube foi de salário igual ao que o português recebia no Manchester United. Foto: (AFP via Getty Images)

Peça chave da janela de transferências de inverno da Europa, o atacante Cristiano Ronaldo falou, em sua coletiva de imprensa de apresentação no Al-Nassr, da Arábia Saudita, que clubes do Brasil haviam feito propostas para contar com o experiente português logo após sua saída do Manchester United, mas o nome dos clubes não havia sido revelado. Até esta sexta-feira, quando Duilio Monteiro Alves, presidente do Corinthians, confirmou que o clube paulista consultou seu empresário.

Em entrevista à TV Bandeirantes, o mandatário alvinegro afirmou que: "A gente fez uma proposta do salário igual ao do Manchester United, dois anos de contrato, que é muito, mas é viável dentro da posição dos patrocinadores. Mas a proposta que veio de lá (Al-Nassr) é 20 vezes maior. Foi a proposta do Corinthians. Fizemos uma proposta há muito tempo, desde que começou a confusão no Manchester. É o Corinthians, por que não tentar? Conversei com Jorge Mendes algumas vezes e agora por outra pessoa. Fiz a proposta e torci até para não aceitar (risos). Mas a gente tinha muitas empresas... Um jogador desse tamanho se paga".

Leia também:

Durante sua apresentação no Al-Nassr, da Arábia Saudita, o centroavante português Cristiano Ronaldo revelou que clubes brasileiros o procuraram para sondar a sua contratação. Na cerimônia, que contou com a presença de mais de 30 mil torcedores no Mrsool Park, CR7 disse as razões para ter preferido deixar o futebol europeu e não atuar mais no continente.

Na coletiva de imprensa, o português disse que: "Me sinto muito bem. Me sinto muito orgulhoso por essa decisão na minha vida, na minha carreira. Meu trabalho na Europa está terminado. (...) Posso dizer que tive muitas oportunidades na Europa, em vários clubes, no Brasil, na Austrália, nos Estados Unidos, até em Portugal, muitos clubes tentaram".

O Al-Nassr será o quinto clube na carreira de Cristiano Ronaldo, que começou no Sporting, de Portugal, se transferiu ao Manchester United, da Inglaterra, depois fez história no Real Madrid, da Espanha, foi para a Juventus, da Itália, e retornou ao clube inglês, onde rescindiu seu contrato no fim de novembro, a dois dias da estreia de Portugal na Copa do Mundo.