Corinthians confirma empréstimo de Reginaldo e negociação de dois jogadores ao Cuiabá

Reginaldo disputará a Série A2 do Paulistão (Foto: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians)


A movimentação do Corinthians no mercado segue intensa. Nesta quarta-feira (11), a diretoria definiu o destino de mais três jogadores: o lateral-esquerdo Reginaldo, o lateral-direito Matheus Alexandre e o atacante Jonathan Cafú.

+ Confira quem sai, quem fica e as movimentações do Timão no mercado

Reginaldo foi emprestado ao Primavera, time da cidade de Indaiatuba, interior de São Paulo, para a disputa da Série A2 do Campeonato Paulista nesta temporada, como antecipado pelo LANCE!.

Contratado em 2020 para defender o sub-20 do Timão, o garoto, que antes jogava pelo ABC, de Natal, foi o capitão corintiano na disputa da Copinha no ano passado. Depois, foi emprestado para o Tombense, de Minas Gerais, para disputar a Série B do Brasileirão, mas fez apenas cinco jogos pela equipe mineira. O contrato do lateral com o Time do Povo se encerra nesta temporada, no mês de setembro.

+ Veja todas as movimentações do futebol brasileiro na nova ferramenta de mercado do LANCE!

Outro atleta que também irá passar mais uma temporada emprestado é o atacante Jonathan Cafu. O jogador de 31 anos renovou o seu empréstimo com o Cuiabá até dezembro de 2023. Cafu está cedido ao Dourado desde abril de 2022.


Contratado em novembro de 2020, o atacante fez apenas três jogos pelo Timão, e em nenhum deles atuou durante os 90 minutos, totalizando assim 104 minutos com a camisa corintiana. Como o atacante possui vínculo com o Time do Povo até dezembro de 2023, a tendência é que ele não jogue mais pelo clube paulista.

+ Veja tabela e simule os jogos do Paulistão 2023

Por fim, o Corinthians fez outra negociação com o Dourado. Trata-se do lateral-direito Matheus Alexandre, contratado pelo Timão em 2019 e que jamais fez sua estreou pelo Timão. Anteriormente, ele tinha sido emprestado para a Ponte Preta, Inter de Limeira e Coritiba, e após rescindir contrato com o Timão, assinou por dois anos com o Cuiabá.