Corinthians afasta Cristian e volante treinará separado do elenco

O Corinthians definiu nesta quarta-feira o afastamento do volante Cristian do elenco de jogadores. A decisão foi tomada após uma reunião entre o atleta, o diretor de futebol, Flávio Adauto, e o gerente de futebol, Alessandro, que determinaram a medida e esperam uma definição da comissão técnica sobre um novo cronograma de treinos para o meio-campista, diferente dos outros jogadores. O contrato, válido até o final do ano, está mantido e os salários serão pagos normalmente.

O comunicado sai horas depois de o jornal Lance publicar uma entrevista na qual o atleta reclama do tratamento recebido em 2017, citando inclusive um caso em que teve a aliança furtada durante a pré-temporada da equipe, nos Estados Unidos. De acordo com ele, o clube não lhe prestou qualquer ajuda na busca para achar o seu anel de casamento.

O relacionamento entre Cristian e direção já não vivia seu melhor momento desde que o jogador não foi inscrito no Campeonato Paulista. Na avaliação do atleta, campeão com a equipe na sua primeira passagem, entre 2008 e 2009, faltou “transparência” dos seus superiores ao definir sua ausência.

Veja abaixo a nota oficial:

Após reunião entre o Diretor de Futebol Flávio Adauto e o Gerente de Futebol Alessandro Nunes ficou definido o afastamento do atleta Cristian Baroni.

Durante tal período o volante terá todos os seus direitos respeitados e continuará tendo as mesmas condições de trabalho que o restante do elenco no Centro de Treinamento Joaquim Grava, passando a exercer suas atividades em horários a serem definidos pela Comissão Técnica.