Corinthians 1 (3) x (4) 1 Internacional: Marcelo Lomba brilha nos pênaltis, e Colorado vai às oitavas da Copa do Brasil

Como esperado, Corinthians e Internacional fizeram mais uma partida movimentada. Desta vez, em Itaquera, as equipes criaram boas chances, mas voltaram a empatar em 1 a 1, na noite desta quarta-feira, em jogo de volta válido pela quarta rodada da Copa do Brasil. Nos pênaltis, melhor para o Inter: 4 a 3. Marcelo Lomba brilhou nas defesas, porém coube a Arana isolar a última cobrança e jogar para fora a meta corintiana de seguir na competição.

Agora, o Internacional aguarda pelo sorteio a ser realizado na CBF nesta quinta-feira, para conhecer seu adversário nas oitavas de final.

O jogo

O Corinthians entrou em campo completamente ligado e partiu para a pressão para cima do Internacional. Na marca dos 8, Fagner bateu lateral direto para a área, Jô desviou de leve e a bola sobrou para Maycon, livre, mandar para a rede e abrir o placar. Logo depois, o Timão quase ampliou com Jô, que em lance de contra-ataque bateu para fora.

Vibrante, a torcida corintiana acendeu sinalizadores e o jogo ficou parado por quase 5 minutos. E o Corinthians "esfriou". Do outro lado, o Inter se soltou e teve duas chances em cabeçadas de Brenner, que passaram perto demais. Porém, o Colorado insistiu nas bolas alçadas, sem conseguir aproveitar. O Corinthians, então, voltou a equilibrar e controlar a partida até o intervalo. Antes do intervalo, Lomba segurou arremate de Romero.

A etapa complementar começou num ritmo mais lento, com o Timão comandando o a partida. Aos 12, Romero cruzou, Rodriguinho mandou no contrapé e quase fez. Mas o Internacional mostrou poder de reação. Primeiro, Cássio espalmou arremate de Anselmo. Na sequência Nico Lopez chutou forte e Fagner acabou mandando contra a própria meta. O jogo, então, ficou aberto. As equipes foram para o abafa atrás da vitória, mas foi a vez de Lomba e Cássio segurarem tudo até o apito final.

Pênaltis

Na penalidades, a disputa foi assim como a partida: equilibrada. Porém, o time gaúcho mostrou mais firmeza e levou a melhor na disputa, vencendo por 4 a 3 e com o goleiro Marcelo Lomba pegando duas penalidades. Na última, Arana isolou e a festa foi colorada.