Copa do Nordeste: Fortaleza vence o 4 de Julho e assume a liderança do Grupo B

Futebo Latino
·3 minuto de leitura


Depois dos tropeços nos últimos dois jogos pela Copa do Nordeste, o Fortaleza reencontrou o caminho das vitórias na tarde deste sábado, pela 6ª rodada da competição, no estádio Albertão, em Teresina. O adversário foi o 4 de Julho e, mesmo com o rival dificultando as coisas, o Leão bateu pelo placar de 2 a 1.

Com o resultado, o time comandado por Enderson Moreira chegou aos 11 pontos, pulando para a primeira colocação do Grupo A. Já a equipe comandada por Flávio Araújo, por conta do revés sofrido em casa, estacionou na 6ª posição do Grupo A, com seus 5 pontos.

EQUIPES BUSCAM O ATAQUE NO COMEÇO

Jogando em casa, o 4 de Julho sabia que qualquer espaço cedido ao Fortaleza poderia ocasionar uma situação de perigo. Com isso, o time de Flávio Araújo tentou igualar as ações no início, após assustar-se no chute de Gustavo Coutinho que carimbou a trave de Jaílson, dando o troco no minuto seguinte com Chico Bala, deixando o goleiro Marcelo Boeck sem reação.

LEÃO ABRE 2 A 0 DE VANTAGEM, MAS 4 DE JULHO DESCONTA

Passado o momento de susto, a equipe do Fortaleza então partiu pra cima. Sendo assim, aos 25 minutos, Éderson tratou de colocar o Tricolor na frente, ao marcar de cabeça após cruzamento de escanteio. 1 a 0.

Na sequência, aos 27, novamente o time de Enderson Moreira marcou. Em jogada de David na linha de fundo, o atleta viu seu colega de time, Gustavo Coutinho, em boas condições para bater pro fundo do gol. 2 a 0.

Com sua equipe atrás no placar, o treinador do Gavião não estava gostando nada de sua equipe em campo. No entanto, quando menos esperava, viu seus jogadores colocando fogo na partida, aos 29 minutos, quando Índio Potiguar descontou, se machucando no lance ao chocar-se contra a trave. 2 a 1.

SEGUNDO TEMPO COM O FORTALEZA NO ATAQUE

Diferente de como foi na primeira etapa, o Leão começou o segundo tempo no ataque, acionando Éderson e companhia. Entretanto, aos poucos, o 4 de Julho foi tentando amenizar a pressão do rival, conseguindo aparecer algumas veze em seu campo de ataque, mas sem sucesso nas investidas.

MUDANÇAS NÃO SURTEM EFEITO

Com o tempo passando, os dois treinador então optaram por algumas substituições, entre elas as entradas de Wellington Paulista no lugar de Gustavo Coutinho, pelo Fortaleza, e João Pedro, no lugar de Índio, pelo Gavião.

Porém, as trocas acabaram sendo em vão. Com os dois times brigando por uma situação diferente na partida, até os acréscimos a equipe mandante bem que tentou apostar suas últimas fichas até os acréscimos, porém as finalizações não surpreenderam Marcelo Boeck, fechando o jogo com vitória da equipe da capital do Ceará.

FICHA TÉCNICA
4 DE JULHO x FORTALEZA - 6ª RODADA DA COPA DO NORDESTE

Estádio: Albertão, em Teresina (PI)
Data: 27 de março de 2021, às 15h45 (de Brasília)
Árbitro: Ranilton Oliveira de Sousa (CBF-MA)
Assistentes: Antônio Fernando de Sousa Santos (CBF-MA) e Realson Almeida (CBF-MA)
Cartões amarelos: Rômulo e Hiltinho (JUL) / Marcelo Boeck, Matheus Jussa, Igor Torres e Wellington Paulista (FOR)
Cartões vermelhos: -

GOLS: Éderson, 25'/1ºT (1-0); Gustavo Coutinho, 28'/2ºT (1-1); Índio Potiguar, 29'/1ºT (2-1).

4 DE JULHO (Técnico: Flávio Araújo)
Jaílson; André Victor, Marcelo, Gilmar Bahia e Chico Bala; Hiltinho (Esquerdinha, aos 39'/2ºT), Vitor Recife e Rômulo (Edinaldo, aos 18'/2ºT); Dudu Beberibe, Ted Love e Índio Potiguar (Joao Pedro, aos 23'/2ºT).

FORTALEZA (Técnico: Enderson Moreira)
Marcelo Boeck; Éderson, Jackson, Wanderson e Carlinhos; Matheus Jussá, Pablo Gabriel e Matheus Vargas (Lucas Crispim, aos 35'/2ºT); David (Osvaldo, aos 36'/2ºT), Gustavo Coutinho (Wellington Paulista, aos 22'/2ºT) e Igor Torres (Robson, no intervalo).