Copa do Mundo: Uruguai não sabe o que é sofrer gols na fase de grupos desde 2014

Uruguai não sofre gols na fase de grupos da Copa desde 2014 (Foto: Pablo PORCIUNCULA / AFP)


O empate sem gols com a Coreia do Sul na estreia da Copa do Mundo do Qatar pode ter sido "frustrante" para boa parte dos torcedores do Uruguai. Mas, para além do resultado, essa partida fez com que a seleção celeste ampliasse uma marca emblemática na disputa do torneio.

> ATUAÇÕES: Trio mostra serviço e Luis Suárez vai mal em empate do Uruguai contra a Coreia

O placar cravado no 0 a 0 fez com que o Uruguai alcançasse 465 minutos sem ser vazado na primeira fase da Copa. Ou seja, o empate com a seleção sul-coreana foi o quinto jogo consecutivo em que a Celeste não teve as redes balançadas.

Wayne Rooney, em 2014, foi o último jogador que marcou um gol contra os uruguaios na fase de grupos do torneio. Na ocasião, o meia-atacante da Inglaterra fez o gol de honra do seu país diante dos atletas celestes, que saíram vitoriosos por 2 a 1. Na edição do Brasil, inclusive, foram apenas dois tentos sofridos.

> Clique e confira a tabela completa e simulador de resultados da Copa do Mundo!

O desempenho na fase de grupos da Copa do Mundo de 2018, na Rússia, foi ainda melhor para o Uruguai. Em três jogos disputados, foram três vitórias, com cinco gols marcados e nenhuma chance de um gol sofrido sequer.

Agora, apesar do empate, os comandados de Diego Alonso dão um bom pontapé em busca da classificação e, quem sabe, da ampliação de um dos "recordes" mais conservados pela camisa uruguaia.