Copa do Mundo: Galvão Bueno faz promessa antes da aposentadoria

(Foto: Reprodução)


Perto da aposentadoria, Galvão Bueno vive a expectativa para sua última Copa do Mundo. Dessa forma, o narrador prometeu mais uma comemoração épica em caso de título do Brasil, assim como fez na final de 1994 com o famoso grito "é tetra", quando a Seleção Brasileira venceu a Itália nos pênaltis.

A despedida de Galvão Bueno será no dia 18 de dezembro, na final da Copa do Mundo no Qatar.

+ Às vésperas da Copa, Galvão Bueno é internado em São Paulo

- Estou criando expectativa, ou uma falsa expectativa. Mas eu vou ter uma emoção forte, certamente. Não tenho ideia do que vou falar, não mesmo. O melhor presente que eu posso receber no meu último jogo como narrador de televisão seria o Brasil na final da Copa do Mundo, eu acho que pode ganhar - disse Galvão Bueno em entrevista ao 'Notícias da TV'.

Além de conduzir a narração de todos os jogos da Seleção Brasileira na Globo, Galvão Bueno vai comandar a partida de abertura entre Qatar e Equador, além da final da Copa do Mundo, independente da participação do Brasil.

+ Convocada pela Globo para a Copa do Mundo, atriz admite: 'Não entendo muito de futebol'

Entretanto, Galvão foi internado no último sábado em um hospital em São Paulo. Nas redes sociais, o narrador explicou que ficará alguns dias no centro médico para agilizar o processo de recuperação após contrair a Covid-19 e chegar no Qatar em boas condições.