Copa da Hungria: Honved busca o caneco na final contra o azarão


O Honved recebe o Mezokovesd, nesta quarta-feira, às 15h, no Bozsik Stadion, em Budapeste, no duelo que decide a Copa da Hungria 2019-2020. Esta partida contará com a presença de público, já que a federação húngara recebeu autorização do governo local e adota protocolo no qual haverá distanciamento entre os fãs. Foram colocados à venda apenas 25 mil lugares - 1/4 da capacidade do estádio.

O futebol húngaro havia parado em março por causa do isolamento social imposto para evitar a propagação da epidemia da Covid-19 e voltou a ter jogos a partir de 23/5, após uma queda do número de mortes. Desde a rodada do fim de semana passado, foi autorizada a presença de torcedores (sempre 1/4 da capacidade). Porém, nestas partidas, houve grande aglomeração na área de torcidas organizadas, o que gerou críticas dos principais jornais do país. Por isso, as autoridades aumentarão o número de seguranças para evitar novos problemas.

Como chegaram

Em campo, o Honved, um dos mais tradicionais clubes do país e onde atuou Puskás (um dos maiores jogadores do futebol), se classificou ao bater o MTK na semifinal. O time tenta o seu oitavo título (o último foi em 2009). Já o Mezokovesd, que eliminou o Fehervar na semifinal, busca o seu primeiro título nacional.

Sem inscrições

Haverá também a recomendação para que nenhum jogador repita o ato do atacante sudanês naturalizado norueguês Tokmac Nguen, do Ferencvaros, que no empate com o Puskás FC (1 a 1) levantou a camisa e nela estava escrito "Justiça para George Floyd", o segurança negro morto por policiais em Minneapolis (EUA) e que gerou uma série de protestos em todo o mundo. Nguen foi repreendido, mas a federação avisou que aquele que usar "inscrição proibida em suas roupas" será punido (a sanção não foi especificada se será multa ou uma partida).










Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também