Copa do Brasil Sub-17: com show de Matheus França, Flamengo faz sete no Palmeiras e 'garante' vaga na final

·3 minuto de leitura


O Flamengo está com os "dois pés" na decisão da Copa do Brasil Sub-17. Nesta terça, os Garotos do Ninho "atropelaram" o Palmeiras na Gávea: vitória por 7 a 3 no jogo de ida da semifinal. Foi um show do time de Mario Jorge, que contou com quatro gols de Matheus França, que desceu do Sub-20 para esta partida.

No primeiro tempo, o Rubro-Negro já havia marcado outros três gols com o zagueiro Darlan e os meias Victor Hugo e Matheus Gonçalves. Os gols do Palmeiras só saíram após o intervalo, com Daniel, Endrick e Luis Guilherme.

Atual campeão brasileiro da categoria, vencendo o Vasco na final em agosto, o Flamengo vai ao Allianz Parque na próxima quarta-feira, às 17h. Para tirar a vaga do Rubro-Negro na decisão da Copa do Brasil Sub-17, o Palmeiras terá que vencer por cinco gols de diferença. Qualquer triunfo do time de Orlando Ribeiro com a diferença de quatro gols levará a decisão para os pênaltis.

ATROPELO RUBRO-NEGRO NO PRIMEIRO TEMPO

Uma atuação coletiva e individual de destaque resultou em um atropelo do Flamengo nos 45 minutos iniciais. O Palmeiras até exigiu intervenções de Francisco Dyogo, mas foi o ataque rubro-negro que brilhou com quatro gols antes do intervalo. Aos oito, Matheus Gonçalves aproveitou o contra-ataque puxado por Petterson, abrindo o placar com um toque na saída do goleiro rival.

Aos 16, mais uma assistência de Pet: escanteio cobrado na cabeça do zagueiro Darlan, que ampliou. Três minutos depois, a pressão na saída de bola do Palmeiras deu certo, e Victor Hugo só rolou para Matheus França fazer 3 a 0.

Ainda teve tempo para o camisa 10 - que havia servido o companheiro no gol anterior - arrancar pela direita, deixar dois marcadores para trás e fazer 4 a 0.

MATHEUS FRANÇA DÁ SHOW PELO FLAMENGO

Depois do intervalo, o Palmeiras voltou com mudanças e logo descontou com Daniel. Mas Matheus França - que já integra o Sub-20 do Flamengo - foi o protagonista total. Aos 14, aproveitou a assistência de Zé Wellinton e marcou. Aos 20, mostrou o faro de artilheiro mais uma vez e completou para o fundo das redes o cruzamento que veio da direita, mais uma vez do meia Victor Hugo.

Aos 28, Endrick fez o segundo do Palmeiras, ao invadir a área e finalizar forte, sem chances para Francisco Dyogo. O nome do jogo, contudo, seria mesmo de Matheus França, que, aos 33, foi lançado e marcou seu quarto gol no jogo - o mais bonito da tarde -, com um toque sutil, cobrindo o goleiro Zé Henrique. No último lance da partida, Luis Guilherme, de pênalti, marcou para o Palmeiras.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 7X3 PALMEIRAS

Estádio: Gávea, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 5/10/2021, às 15h15

Cartão amarelo: Matheus França (FLA); Léo e Mina (PAL)
Cartão vermelho: Não houve.

Gols: Matheus Gonçalves (1-0, 8'/1ºT), Darlan (2-0, 16'/1ºT), Matheus França (3-0,19'/1ºT), Victor Hugo (4-0, 43'/1ºT), Daniel (4-1, 5'/2ºT), Matheus França (5-1, 14'/2ºT, 6-1, 21'/2ºT), Endrick (6-2, 28'/2ºT), Matheus França (7-2, 33'/2ºT) e Luis Guilherme (7-3, 46'/2ºT)

FLAMENGO (Técnico: Mario Jorge)

Francisco Dyogo, Samuel, Iago, Darlan e Zé Welinton; Vitor Müller (Rayan, 38'/2ºT), Dudu, Matheus França e Victor Hugo; Matheus Gonçalves (Carbone, 38'/2ºT) e Petterson.

PALMEIRAS (Técnico: Orlando Ribeiro)

Zé Henrique, Gilberto, Serafim, Mina (Jean Carlos, Intervalo) e Gabriel Vareta (Kauã Oliveira, 15'/2ºT); Léo (Jota, Intervalo), Luis Guilherme e Luiz Freitas; Giovani (Daniel, Intervalo), Endrick e Kauan Santos (Allan, 37'/2ºT).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos