Copa América soma 41 casos de Covid-19, diz Ministério da Saúde

·1 minuto de leitura
BRASILIA, BRAZIL - JUNE 13: General view of an empty Mane Garrincha Stadium before a Group B match between Brazil and Venezuela as part of Copa America 2021 on June 13, 2021 in Brasilia, Brazil. (Photo by Pedro Vilela/Getty Images)
Mané Garrincha, em Brasília, foi palco da abertura da Copa América Pedro Vilela/Getty Images)

O Ministério da Saúde anunciou na noite desta segunda (14) que já registrou 41 casos de Covid-19 em pessoas envolvidas com a Copa América, entre memberos de delegações de equipes e prestadores de serviço para o evento.

De acordo com a Saúde, 31 casos foram de pessoas das delegações das seleções e 10 de prestadores de serviço de Brasília, que sediou a estreia da competição, entre Brasil e Venezuela no último domingo (13).

Leia também:

Os 31 casos entre as delegações estão divididos entre quatro seleções - Venezuela, Colômbia, Bolívia e Peru -, mas os números de cada uma não foram detalhados.

No sábado (12), a Venezuela teve que convocar 15 novos jogadores para o torneio após um surto de Covid em que os números divergem. A Conmebol falou em 13 membros da delegação, enquanto a Federação Venezuelana de Futebol (FVF) divulgou 11.

A Colômbia divulgou dois casos - o assistente técnico Pablo Román e o fisioterapeuta Carlos Entrena -, o Peru um - o preparador físico Néstor Bonillo - e a Bolívia quatro - três atletas e um membro da comissão técnica não identificados.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos