Coordenador das categorias de base projeta Ferroviária em alto nível na formação de atletas

·1 min de leitura


Apenas meio ano se passou a partir da sua chegada na Ferroviária, mas para Rafael Fernandes, coordenador das categorias de base/formação, foi o suficiente pra que pudesse diagnosticar importante melhora no processo de formação dos atletas no clube.

Assim como nas principais escolas de futebol do mundo, a filosofia implantada na revelação de talentos na Ferroviária está baseada num conjunto de fatores que lapidam não apenas atores do futebol, mas seres humanos completos que formarão, por consequência, uma sociedade cada vez melhor.

- Aplicamos essa ideia na rotina de trabalho com todos os membros que fazem parte do nosso departamento. Nosso staff, comissões técnicas e atletas seguem a mesma filosofia de trabalho, independente da categoria de atuação no clube. Valores como disciplina e respeito estão em primeiro lugar pra todos nós e trabalhar com o entendimento disso reflete resultados melhores em todos os setores da Ferroviária, principalmente dentro de campo - afirma Rafael Fernandes.

Experiente no cargo e com passagens por Internacional, Figueirense, Vila Nova-GO e ABC, Rafael avalia que alguns fatores implantados no processo de formação foram fundamentais para o crescimento da área no clube.

- Todo cuidado com os protocolos sanitários durante a pandemia, alojamento dos atletas em um hotel próximo ao clube e a ação imediata do nosso departamento de desenvolvimento humano foram fundamentais pra que houvesse uma evolução de curto prazo por aqui.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos