Convite a mansão, saída às pressas e surpresa até para ele. A coletiva de R10

Um convite inusitado. Na segunda-feira (4), a assessoria do jogo Game Of Dreams, entre amigos de Ronaldinho Gaúcho e amigos do Pentacampeonato Mundial da Seleção, convidou repórteres de Belo Horizonte para ir à casa do craque no Rio de Janeiro.

O ex-jogador de Barcelona, Milan e Atlético-MG concederia entrevista coletiva em sua residência às 14h (de Brasília) de terça-feira (5).

A mansão do jogador está situada no Santa Mônica Jardins, condomínio de alto luxo da Barra da Tijuca. Com uma casa avaliada em R$ 20 milhões e um complexo esportivo que conta com piscina, quadras de tênis com piso de saibro, espaços para futevôlei e até futebol, o local surpreende logo à primeira vista.

A residência do craque tem 850 metros quadrados e conta também com uma infraestrutura impressionante. Até academia há no local.

Para entrar nas ruas do condomínio é preciso passar por uma portaria que conta com quatro pessoas responsáveis pela segurança.

Nesta guarita, são solicitados documentos do veículo e do visitante sob o pretexto de identificar todos aqueles que adentram o local. A segurança é reforçada com carros de passeio adquiridos pelo condomínio.

O problema é que o craque optou por trocar o local e o horário da entrevista. Diante do número de veículos de imprensa - nove foram à coletiva -, ele optou por mudar para o centro de convenções do Américas Barra Hotel, também na Barra da Tijuca, cerca de 1,5 quilômetro de seu condomínio. Ele estaria no novo ponto de encontro às 16h (de Brasília).

Ronaldinho Vietnam

(Foto: Getty Images)

Com atraso de 48 minutos, ele compareceu ao hotel para conversar com os repórteres. Óculos escuros, touca, cordão preto, camiseta regata e uma bermuda de moletom - bem ao estilo Ronaldinho Gaúcho de ser - formaram a vestimenta do jogador que pretende se aposentar em 2018.

A coletiva, com duração de pouco mais de 11 minutos, se encerrou por opção do próprio atleta. Após uma série de perguntas, o craque se levantou da mesa em que concedeu a entrevista e agradeceu aos presentes.

O evento contou com patrocínio de uma linha de energético assinada pelo atleta revelado no Grêmio. Até os membros da organização se assustaram com a forma que R10 se levantou da mesa para ir embora.

Ao fim do evento, a surpresa. Membros da organização informaram que o evento, organizado por Roberto Assis, irmão e empresário do craque, não era de conhecimento de Ronaldinho.

Sem saber que precisaria conversar com jornalistas, R10 foi convencido pelo irmão de que seria importante para a divulgação do Game Of Dreams, o qual ocorre nesta sexta-feira (8), às 16h (de Brasília), no Mineirão, em Belo Horizonte. Apenas 12 mil ingressos foram vendidos pela organização, mas acredita-se que é possível um número superior a este até a data da festa que reunirá nomes como Davids, Roque Júnior, Marcos, Vampeta e outros.