Contrato no fim pode atrapalhar ida de M. Ribeiro, do Santos, para Chape

Gabriela Brino
LANCE!
Santos acertou o empréstimo de Matheus Ribeiro com a Chape (Foto: Ivan Storti)
Santos acertou o empréstimo de Matheus Ribeiro com a Chape (Foto: Ivan Storti)


A Chapecoense negocia o empréstimo de Matheus Ribeiro, do Santos, até dezembro de 2020, justamente no fim do atual contrato. Sabendo disso, a diretoria alvinegra analisa a situação com cuidado.

Esse pode ser um entrave para um acordo, afinal, emprestar Matheus por um ano significaria liberá-lo de graça a partir de janeiro de 2021, já que ele poderá assinar um pré-contrato com qualquer clube.


O Peixe analisa a situação com cautela e, até o momento, não falou em renovar para emprestar o lateral-direito, o que fará com Rodrigão, cedido ao Ceará na última segunda-feira.

O caso de Rodrigão é diferente pois o atacante teve a temporada de 2019 produtiva no Coritiba e o valor de mercado é maior. Desta forma, o Santos correria maior risco de ter grande prejuízo.

Enquanto Matheus teve apenas cinco oportunidades com Jorge Sampaoli e não foi aproveitado. Ele, inclusive, treinou separadamente a maior parte do ano, em um período diferente do elenco principal.




Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também