Contra o Juventude, São Paulo tenta evitar repetição de 'vexames' recentes na Copa do Brasil

São Paulo acumula um histórico recente de quedas inesperadas na competição (Rubens Chiri/Saopaulofc.net)


Nesta quinta-feira (12), o São Paulo tem o desafio de avançar para as oitavas de final da Copa do Brasil. O Tricolor paulista enfrentará o Juventude pela partida de volta - na ida, empate por 2 a 2, em Caxias do Sul.

GALERIA
> Veja quais são os 15 maiores públicos até a quinta rodada do Brasileirão 2022

TABELA
> Veja tabela na Copa do Brasil

O clube tem o desafio de evitar uma zebra, algo que não é incomum na história tricolor na Copa do Brasil.

Nos últimos dez anos, uma série de partidas culminaram em resultados que colocaram o Tricolor em uma situação delicada. Em 2011, o Avaí eliminou o São Paulo após vencer por 3 a 1. Na ocasião, o Tricolor paulista precisava de apenas um empate para avançar às semifinais.

A equipe conseguiu sair em vantagem no primeiro tempo, após gol de Casemiro, mas foi derrotada após o adversário virar a partida e marcar três. Este jogo quebrou a série de três anos de times paulistas em semifinais na Copa do Brasil.

Três anos depois, em 2014, o Tricolor paulista foi eliminado pelo Bragantino, que estava na zona de rebaixamento da série B, por 3 a 1.

Mesmo com vantagem de 2 a 1 no jogo de ida, o Massa Bruta conseguiu derrotar o São Paulo e avançou pela primeira vez para as oitavas de final na Copa do Brasil.

Em 2016, contra o mesmo adversário que irá enfrentar nesta quinta-feira (12), o São Paulo protagonizou um dos seus episódios mais vexatórios em etapas decisivas.

O Tricolor paulista ficou somente a um gol de avançar contra o Juventude, que na época estava na série C do Campeonato Brasileiro. A equipe paulista abriu o placar aos 23 minutos, com Rodrigo Caio, e precisava somente de mais um gol para garantir sua classificação.

Porém, não conseguiu e caiu nas oitavas. Foi a primeira vez na história que o São Paulo foi eliminado por um time que não fosse das duas primeiras divisões.

Ano passado, a equipe comandada na época por Hernán Crespo levou um susto ao perder do IV de Julho, por 3 a 2 e com um gol contra de Orejuela, no jogo de ida na terceira rodada. O Tricolor conseguiu dar a volta por cima e recuperar a desvantagem, vencendo por 9 a 1 no Morumbi.

Porém, amargurou sua eliminação nas quartas de final pouco depois, contra o Fortaleza, por 3 a 1, mesmo com a vantagem da primeira partida.

Desde sua primeira disputa na Copa do Brasil, em 1990, chegou até a final uma única vez, em 2000, quando foi derrotado pelo Cruzeiro por 2 a 1. Ou seja, o São Paulo jamais conquistou o torneio e segue atrás de um título inédito.

O Tricolor paulista enfrenta o Juventude nesta quinta-feira (12) na Arena Barueri, às 19h30.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos