Conselho arquiva denúncia contra Marcos Braz por suposto uso do Flamengo em eleição municipal

·1 minuto de leitura


O Conselho de Administração do Flamengo arquivou a denúncia sobre suposto "uso da máquina" por parte de Marcos Braz, vice-presidente de futebol do clube, na eleição municipal do Rio de Janeiro, em 2020, na qual o dirigente foi eleito como vereador. A informação foi inicialmente publicada pelo "UOL".

De acordo com o parecer da Comissão Provisória de Inquérito do Conselho de Administração, não há elementos suficientes, portanto, o caso foi encerrado.

> Confira a classificação e simule as rodadas finais do Brasileirão!

A denúncia foi feita pelo sócio proprietário José Carlos Peruano, que foi candidato à presidência do clube nas últimas eleições, para investigar suposta "utilização da máquina do clube" por Marcos Braz, vice-presidente de futebol.