Consórcio do Nordeste pede volta de máscaras e reforço na vacinação contra Covid

*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 09.11.2022 - Fila de vacinação contra a Covid-19 na UBS Nossa Senhora do Brasil, na Bela Vista. Nova onda da doença traz corrida aos postos de saúde para tomar a dose de reforço. (Foto: Danilo Verpa/Folhapress)
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 09.11.2022 - Fila de vacinação contra a Covid-19 na UBS Nossa Senhora do Brasil, na Bela Vista. Nova onda da doença traz corrida aos postos de saúde para tomar a dose de reforço. (Foto: Danilo Verpa/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O comitê científico do Consórcio do Nordeste, formado pelos governadores da região, pediu em nota divulgada neste sábado (26) a renovação das medidas contra a Covid-19 e reforço nas campanhas de vacinação.

"Apesar de o próprio diretor da OMS [Organização Mundial da Saúde], Tedros Adhanom, e outras lideranças políticas mundiais terem anunciado há alguns meses que o fim da pandemia estava próximo, nas últimas semanas o número de casos da doença tem aumentado em vários países e também no Brasil", afirma a entidade, que alerta para o surgimento de novas variantes.

O comitê científico recomenda uma série de medidas a governos estaduais e municipais. Entre elas, nova recomendação de uso de máscaras em espaços públicos, imunização e busca ativa de pessoas que não se vacinaram, aplicação da quinta dose, aumento na oferta de testes pelo SUS e garantia de acesso a medicamentos eficazes.

Os cientistas admitem até mesmo a possibilidade de retorno de medidas de isolamento social, como as adotadas no auge da pandemia, caso a situação exija.

"Os governantes devem estar atentos à possibilidade da possível volta do isolamento, com muitas atividades voltando a ser online. Cabe aos governadores do Nordeste encarar a pandemia com um real problema que pode surgir a qualquer momento, devendo ser combatido em parceria entre todos estados", afirma a nota.