Consórcio entrega à Conmebol o Maracanã 'pronto e em condições' para a decisão da Copa América

·1 minuto de leitura


O Maracanã já está à disposição da Conmebol para a final da Copa América, que será realizada entre Brasil e Argentina neste sábado (10). Em nota emitida à imprensa na manhã desta quarta-feira (7), o consórcio que administra o estádio destacou o orgulho de "entregá-lo pronto e em totais condições para a outra grande decisão".

> Veja a tabela da Copa América!

Além disto, a gestão prometeu que o gramado está "reformado e com altíssimos níveis de excelência e jogabilidade". Na terça-feira passada (6), o técnico Tite e a comissão técnica fizeram a vistoria do gramado. As condições dos campos no torneio causaram muitos protestos entre seleções na Copa América.

Desde a madrugada do dia 24 de junho, profissionais da Greenleaf, empresa responsável pela manutenção e conservação do gramado do Maracanã, estão cuidando das condições do campo.

O longo processo incluiu "nivelamento e preparo para a colocação de tapetes", além dos trabalhos de "topdressing, que incluiu proteção da semente, micronivelamento, adubação granulada e irrigação pesada" e "fase de manutenção rigorosa da umidade".


> Aplicativo de resultados do LANCE! já está disponível!

A empresa responsável pelo campo informou que, na terça-feira passada (6), "os profissionais da Greenleaf fizeram o primeiro corte da grama (ficará com 22mm no sábado) e a pré-marcação do campo para a final da Copa América".

A gestão do Maracanã ainda destacou:

"Manter a qualidade do gramado, atuando constantemente na preservação do campo, dentro dos limites que a natureza permite, continua sendo a prioridade número um desta gestão do Maracanã".

A final entre Brasil e Argentina será realizada às 21h deste sábado (10).


Veja a nota na íntegra

Assim como aconteceu na última final da Copa Libertadores da América, a gestão Maracanã tem o orgulho de mais uma vez entregar à Conmebol o estádio pronto e em totais condições para a disputa de outra grande decisão. A final Copa América entre Brasil e Argentina, que será realizada no próximo sábado (10/07), terá um gramado reformado e com altíssimos níveis de excelência e jogabilidade.

Desde a madrugada do dia 24 de junho os profissionais da Greenleaf, empresa responsável pela manutenção e conservação do gramado do Maracanã há mais de três décadas, trabalham diariamente no campo. Até a bola rolar na final de sábado, todo processo completará 17 dias, contemplando a troca parcial do gramado desgastado por um novo formado pelo consórcio ryegrass (grama de inverno) e bermuda celebration.

O primeiro passo foi a delimitação das áreas a serem removidas com 3cm de profundidade e retirada das áreas sul, centro e norte. Este procedimento impactou um total de 4.000m2. A seguir houve nivelamento e preparo para a colocação de tapetes e início do plantio no meio de campo, grande área sul e finalização da área norte com ajustes dos com rolos compactadores. Essa etapa foi finalizada com corte helicoidal (rebaixando a altura), pulverização fungicida e início da semeadura de inverno com 500Kg de sementes da grama ryegrass.

No dia 28/06 teve início o trabalho de topdressing, que incluiu proteção da semente, micronivelamento, adubação granulada e irrigação pesada. A seguir começou a fase de manutenção rigorosa da umidade (germinação de semente) de duas em duas horas e ajuste fino dos rolos. Com o uso de iluminação suplementar nos pontos de sombra, aconteceu o início da germinação.

Nesta terça-feira (06/07), os profissionais da Greenleaf fizeram o primeiro corte da grama (ficará com 22mm no sábado) e a pré-marcação do campo para a final da Copa América. Manter a qualidade do gramado, atuando constantemente na preservação do campo, dentro dos limites que a natureza permite, continua sendo a prioridade número um desta gestão do Maracanã.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos