Conmebol libera jogador do Peñarol pego no antidoping para duelo com Athletico

·1 minuto de leitura
Agustín Canobbio durante o jogo entre Peñarol e Sporting Cristal, em Montevidéu, pela Copa Sul-Americana 2021 (AFP/Ernesto RYAN)

O Peñarol anunciou nesta quarta-feira que seu meia Agustín Canobbio foi autorizado pela Conmebol a jogar na quinta-feira em Curitiba contra o Athletico, na segunda partida da semifinal da Copa Sul-Americana, após o jogador testar positivo em exame antidoping realizado em agosto.

Canobbio "está habilitado para amanhã", escreveu advogado do Peñarol, Gonzalo Moratorio, no Twitter, em um post com uma foto em que aparece com o jogador e outros representantes do clube uruguaio na sede da Conmebol em Assunção.

A delegação viajou à capital paraguaia para apresentar a defesa do meia após receber a notificação na sexta-feira sobre o resultado do controle antidoping realizado no jogador no dia 11 de agosto, após o jogo contra o Sporting Cristal, em Lima, pelas quartas de final da Sul-Americana.

O exame de rotina deu positivo para boldenona, hormônio de uso veterinário que em alguns países, como o Peru, é usado para ajudar no crescimento de animais destinados à alimentação, como galinhas ou gado.

A defesa do jogador alegou que ele ingeriu a substância em Lima, após ingerir carne numa refeição.

“A viagem não foi em vão, pudemos comprovar que tudo indica que foi contaminação com alimentos à base de carne em Lima”, disse Moratorio.

Segundo a imprensa local, a autorização dada à Canobbio é provisória, enquanto a investigação da Conmebol prossegue.

gv/lca

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos