Conmebol elimina o gol fora de casa como critério de desempate

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
FIFA Vice-President and CONMEBOL President Alejandro Domínguez looks on as he attends the 69th FIFA Congress at Paris Expo, Porte de Versailles in Paris on June 5, 2019. (Photo by FRANCK FIFE / AFP)        (Photo credit should read FRANCK FIFE/AFP via Getty Images)
Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol, anunciou que o 'gol fora' não será mais critério de desempate. Foto: (FRANCK FIFE/AFP via Getty Images)

A Conmebol anunciou, na tarde desta quinta-feira (25) que o 'gol fora' não será mais critério de desempate nas competições da América do Sul. Segundo o comunicado da entidade, publicado no Twitter, a decisão concederá "maior justiça esportiva".

A decisão da Conmebol segue o que a UEFA havia definido no fim de junho, quando também eliminou o critério do gol fora de casa para as competições de clubes europeus. O "gol fora" foi implementado no ano de 2005 para a Copa Libertadores e a Copa Sul-Americana, tendo alteração em 2008, quando o critério deixava de ser válido nas partidas de ida e volta das finais das competições.

Leia também:

O anúncio, feito inicialmente pelo presidente Alejandro Domínguez e depois publicado pela Conmebol, foi realizado no mesmo dia em que a entidade se reúne para debater os últimos preparativos para a final da Libertadores, que será disputada entre Flamengo e Palmeiras.

Na reunião, que contou com dirigentes que representavam ambos os clubes, autoridades uruguaias e a confederação continental, foram decididos também os uniformes que serão utilizados na partida do próximo sábado (27), no icônico Estádio Centenário, em Montevidéu.

A equipe carioca entrará em campo vestindo seu uniforme reserva, de camisa branca e mangas rubro-negras, calção preto e meias brancas e seu goleiro vestirá uniforme de camisa e calção amarelo e meias pretas. Já o alviverde paulista, camiseta titular e meias verdes e calção branco, o goleiro palmeirense vestirá uniforme todo verde claro. A arbitragem também teve sua vestimenta definida: camisa azul claro e calções e meias pretas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos