Conmebol denuncia Natan, e Flamengo pode perder zagueiro por um longo período na Libertadores

Antonio Mota
·2 minuto de leitura

Expulso no banco de reservas no empate em 1 a 1 entre Flamengo e Racing-ARG, no El Cilindro, na última terça-feira (24), pelo jogo de ida das oitavas de final da Libertadores, Natan está suspenso e não vai à campo no duelo de volta, no começo da próxima semana, no Maracanã. E o zagueiro ainda pode desfalcar o time por mais tempo no torneio.

Isto porque, conforme informações do UOL Esporte, a Conmebol abriu um processo disciplinar contra o defensor e vai apurar o que aconteceu na Argentina. Segundo a entidade, o atleta de 19 anos teria xingado e se dirigido de forma ríspida aos profissionais de arbitragem da partida: “Árbitros filhos da p...", relatou o juiz na súmula.

Natan pode desfalcar o Flamengo por um bom tempo na Conmebol Libertadores. | Alexandre Schneider/Getty Images
Natan pode desfalcar o Flamengo por um bom tempo na Conmebol Libertadores. | Alexandre Schneider/Getty Images

Segundo o regulamento da Conmebol, Natan pode ser suspenso por duas partidas ou por um período de tempo mínimo de um mês “por conduta antiesportiva contra um oficial de partida levando em consideração a gravidade da falta". Ou seja, caso o Flamengo avance, ele pode perder os jogos das quartas de final e até mais.

Natan, por sua vez, nega que tenha se dirigido de tal forma aos árbitros. Ele comentou sobre o assunto em seu perfil no Twitter:

"Referente o que foi divulgado pelo árbitro da partida na súmula, gostaria de me posicionar deixando claro para todos que em nenhum momento xinguei o juiz. Quem me conhece sabe que jamais iria fazer isso ou algo do tipo, mas Infelizmente fui escolhido aleatoriamente pra receber o vermelho, que me deixou fora da próxima partida. Peço desculpas a todos, mesmo sem entender até agora tudo que aconteceu. Estou triste com o cartão, mas bola para frente, seguir firme e trabalhando".

Ainda conforme o UOL, Thuler, o outro expulso do Flamengo na decisão, também foi denunciado, mas não corre riscos de uma punição maior. Ele, porém, está fora do jogo de volta.

Sem a dupla, Rogério Ceni tem três zagueiros à disposição: Léo Pereira, Gustavo Henrique e Noga. Em recuperação de lesão, Rodrigo Caio ainda é dúvida.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.