Conheça o gato Aquiles, 'vidente oficial' da Copa da Rússia

(imagem: Divulgação/Museu Hermitage)
(imagem: Divulgação/Museu Hermitage)

A Copa do Mundo está batendo na porta, e já virou tradição a eleição de um oráculo que preveja os resultados das partidas. Na Rússia, o eleito é o gato Aquiles, que vive no Museu Hermitage, em São Petesburgo, uma das cidades-sede do Mundial.

Você já viu o novo app do Yahoo Esportes? Baixe agora!

Branco de olhos azuis, o felino é surdo e começou a ganhar fama na Copa das Confederações, acertando três dos quatro palpites que arriscou nos jogos da seleção russa.

O método é simples: são colocados dois pratos de comida na frente de Aquiles, cada um acompanhado de uma bandeira das seleções envolvidas na partida em questão. O recipiente escolhido pelo gato corresponde ao vencedor do confronto. Curiosamente, em uma das previsões, o gato não escolheu nenhum dos pratos e o jogo acabou empatado.

Leia mais:
– Egito decidirá se Salah joga apenas na sexta
– Como foram os rivais do Brasil nos últimos amistosos?
– Cinco momentos curiosos de aberturas de Copas

Até a Fifa entrou na brincadeira e deu uma carteirinha de torcedor ao gato. Aquiles tentará repetir a façanha do polvo Paul, que ganhou fama de oráculo por acertar 12 dos 14 resultados que previu na Copa do Mundo da África do Sul, em 2010, inclusive o título da Espanha. Quando Paul morreu, em outubro daquele ano,  a comoção foi grande – na Alemanha, até estátua foi erguida para o molusco.

Já na Copa de 2014, no Brasil, alguns bichos disputaram o posto de Paul. A tartaruga Cabeção, por exemplo, acertou que o Brasil venceria a Croácia na estreia, mas apostou no México em jogo que terminou empatado em 0 a 0. O panda King Mei, na China, também acertou alguns palpites, mas nenhum deles alcançou o sucesso de Paul. Será que Aquiles consegue?

Leia também