Após confusão, Lyon e Besiktas são excluídos de próximo torneio Uefa

A Uefa resolveu tomar uma medida severa após a confusão entre torcedores de Lyon e Besiktas que antecedeu o duelo entre as equipes na última quinta-feira, pelas quartas de final da Liga Europa. Em decisão divulgada nesta quarta-feira, a comissão disciplinar da entidade optou por excluir ambas os times da próxima competição europeia que se classificarem.

A medida terá validade para as duas temporadas seguintes. Portanto, se Lyon e Besiktas se classificarem para a Liga dos Campeões ou para a Liga Europa nos próximos dois anos, não poderão participar. Além disso, a Uefa aplicou aos dois times uma punição no valor de 100 milhões de euros (aproximadamente R$330 milhões).

A confusão ocorreu na última quinta-feira. Antes mesmo da chegada ao local da partida, torcedores do Besiktas se desentenderam com as autoridades locais e fãs da equipe da casa nas imediações do palco do jogo. Já dentro do Stade de Gerland, segundo testemunhas, os turcos atiraram fogos de artifício em direção aos franceses. Assustada, parta da torcida do Lyon invadiu o gramado buscando se proteger de ferimentos graves, o que aumentou o tumulto. O episódio acabou por atrasar o início do duelo em 45 minutos.

A punição da Uefa ao Lyon foi em função dos fogos de artifício, invasão de campo, incapacidade de organização do evento e distúrbios em geral. Já o Besiktas, além destas razões, também recebeu a sanção por sua torcida ter arremessado objetos no gramado.

Após a confusão, o Lyon foi melhor atuando em seus domínios e conseguiu se sobressair diante do Besiktas ao vencer pelo placar de 2 a 1. O jogo de volta está marcado para esta quinta-feira, às 16h05(de Brasília), na Arena Vodafone, em Istambul.

Leia também