Como era o Vasco na última vitória no Brasileiro por três gols. Lembra?

Felippe Rocha e Luiza Sá
LANCE!


A vitória do Vasco sobre o CSA no último domingo foi por uma diferença de três gols que tem sido rara no Vasco. Um ano e meio, mais especificamente, que ela não acontece considerando jogos do Campeonato Brasileiro - no Carioca deste ano houve duas vitórias por tal diferença. A última vitória cruz-maltina no Brasileirão por pelo menos três gols de diferença foi sobre o América-MG, no início da competição do ano passado. Você lembra como era o time do Vasco?

Era dia 5 de maio de 2018, em São Januário, pela quarta rodada da competição. Zé Ricardo comandava o time que saiu atrás no placar e foi para o intervalo em desvantagem. Mas a torcida na Colina História comemorou quatro gols na segunda etapa.


Dos 14 jogadores que entraram em campo naquela ocasião, somente Werley, Yago Pikachu e Henrique seguem no elenco. Andrés Rios, Caio Monteiro, Bruno Cosendey e Kelvin marcaram os gols.

Fora de campo, a política do Vasco acabava de entrar em ebulição com a saída de 13 vice-presidentes da diretoria comandada por Alexandre Campello. Nos bastidores, um treino teve invasão de membros de torcida organizada. Aquele resultado amenizou tal crise pós-eliminação na Copa Libertadores.

FICHA TÉCNICA
VASCO 4 x 1 AMÉRICA-MG


Estádio: São Januário, em Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 5/5/2018, às 19h (de Brasília)
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP)
Assistentes: Alex Ang Ribeiro e Tatiane Sacilotti Camargo (SP)
Público/renda: 3.311 pagantes/R$ 91.950,00
Cartões amarelos: Thiago Galhardo, Andrés Rios, Wellington, Wagner (VAS), Wesley, Norberto, Rafael Moura, Aylon (AME)

GOLS: Rafael Moura 30'/1ºT (0-1), Bruno Cosendey 11'/2ºT (1-1), Caio Monteiro 17'/2ºT (2-1), Andrés Rios 33'/2ºT (3-1) e Kelvin 45'/2ºT (4-1)

VASCO: Martin Silva, Rafael Galhardo (Wagner 20'/2ºT), Paulão, Werley e Henrique; Leandro Desábato, Wellington, Thiago Galhardo (Bruno Cosendey 33'/1ºT) e Yago Pikachu; Caio Monteiro (Kelvin 24'/2ºT) e Andrés Rios - Técnico: Zé Ricardo.

AMÉRICA-MG: João Ricardo, Norberto, Rafael Lima, Messias e Carlinhos; Juninho, Wesley e Serginho (Julivan 40'/2ºT); Marquinhos (Capixaba 15'/2ºT), Rafael Moura (Ruy 28'/2ºT) e Aylon - Técnico: Enderson Moreira.


















Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também