Como era o mundo quando Formiga disputou sua primeira edição de Olimpíadas, em 1996

·4 minuto de leitura

Há quase 25 anos, em 1996, os Jogos Olímpicos de Atlanta, nos Estados Unidos, abriam as portas para uma nova modalidade esportiva: o futebol feminino. E lá estava a Seleção Brasileira e a meio-campista Miraildes Maciel Mota, a incansável Formiga. À época, o Brasil e a volante não eram tão respeitados e prestigiados, mas isso mudou ao passo que a Canarinha avançou e alcançou uma histórica quarta posição.

De lá para cá, o mundo mudou, o futebol mudou, o esporte mudou, o Brasil mudou, as Olímpiadas mudaram... Tudo mudou. Mas a Formiga, mesmo que também tenha mudado, continua firme, forte e rumo à sua sétima participação nos Jogos Olímpicos. É história. É superação. É conquista. É Miraildes Maciel Mota.

Mas, sem mais delongas, confira como era o mundo quando a Formiga disputou sua primeira edição de Olimpíadas, em 1996.

A Formiga e o mundo em 1996

A Formiga é uma lenda viva do esporte mundial. | Zhizhao Wu/Getty Images
A Formiga é uma lenda viva do esporte mundial. | Zhizhao Wu/Getty Images

O ano de 1996 foi bastante agitado e intenso no Brasil e no mundo. E a lenda Formiga viu tudo de bem perto...

O futebol do Brasil e do mundo em 1996

O que você estava fazendo em 1996? A Formiga estava nas Olímpiadas. | DOUGLAS COLLIER/Getty Images
O que você estava fazendo em 1996? A Formiga estava nas Olímpiadas. | DOUGLAS COLLIER/Getty Images

O mundo do futebol era muito diferente em 1996. Naquele ano, o “País do Futebol” vivia os anos de ressacada do tetra e ainda corria atrás do tão sonhado penta. Além disso, o Brasil também tinha o ‘Melhor Jogador do Mundo’ da Fifa: Ronaldo Luís Nazário de Lima, o imortal Ronaldo Fenômeno.

E os campeões no país também eram outros: o Vasco era uma das potências do futebol nacional e brigava por títulos – nem sonhava com os rebaixamentos que viriam no século XXI. Outra: o Botafogo era o atual campeão do Campeonato Brasileiro.

E o futebol ao redor do planeta? O Manchester United era campeão da Premier League – fato que não acontece há quase 10 anos. O Borussia Dortmund sobrava e conquistava a Bundesliga. O Milan era o carro-chefe na Itália, enquanto a Juventus conquistava a Champions League. E na Espanha o contexto era parecido com o de hoje: o Atlético de Madrid era o campeão.

O futebol parecia outro esporte...

Os sucessos daquele ano – músicas, séries, novelas e mais

Friends estava entre sua segunda e terceira temporada. | Michael Tullberg/Getty Images
Friends estava entre sua segunda e terceira temporada. | Michael Tullberg/Getty Images

Além das Olímpiadas de Atlanta, o mundo também acompanhou vários outros sucessos em 1996. Os noveleiros e noveleiras, por exemplo, acompanharam o “Rei do Gado”, “O Fim do Mundo”, “Vira Lata”, “Quem é você?”, “Anjo de Mim” e várias outras novelas. Clássicos e mais clássicos!

Várias séries de sucesso também decolavam pelo mundo: “Friends” estava entre sua 2ª e 3ª temporada, “Barrados no Baile”, “Frasier”, “Law & Order”, “Seinfeld”, “Um Maluco no Pedaço” e muitos outros seriados também estavam no ar.

Aquele ano também foi muito especial para a indústria fonográfica, que viu os lançamentos de “Garota Nacional”, do Skank, “Estou Apaixonado”, de João Paulo e Daniel, “Macarena”, do Los Del Río, e muito mais.

Grandes acontecimentos, política, economia e mais

O dólar era cotado em cerca de R$ 1 em 1996. | SOPA Images/Getty Images
O dólar era cotado em cerca de R$ 1 em 1996. | SOPA Images/Getty Images

O mundo também presenciou vários grandes acontecimentos em 1996. Naquele ano, Bill Clinton foi reeleito presidente dos Estados Unidos, assim como Boris Iéltsin na Rússia. E Jorge Sampaio foi eleito em Portugal. Aquele ano também foi proclamado “Ano Internacional para a Erradicação da Pobreza” pela ONU.

Outro marco daquele ano: presidente da África do Sul, Mandela assinou uma nova Constituição do país, a qual substituiu a Constituição Provisória de 1993, e deu fim ao Apartheid.

No Brasil, os panoramas sociais, políticos, econômicos e culturais também eram outros. À época, o presidente era o Fernando Henrique Cardoso – e detalhe: a urna eletrônica começava a engatinhar por aqui. Além disso, em 1996, o dólar era cotado em pouco mais de R$ 1 (em julho). E o litro da gasolina custava menos de R$ 0,60. Vale notar, porém, que o salário mínimo era R$ 112,00.

As lendas que deixaram essa 'dimensão'...

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Mas nem tudo foi tão bom em 1996. Naquele ano, o Brasil e o mundo perderam: os Mamonas Assassinas, o cantor e compositor Renato Russo, o cientista Carl Sagan, os atores italianos Gino Bramieri e Marcello Mastroianni, o rapper Tupac Shakur, e várias outras lendas. Duros golpes na arte, na música e na humanidade.

As tecnologias e a era “pré-Whatsapp”

A comunicação e o “Orelhão”. | NELSON ALMEIDA/Getty Images
A comunicação e o “Orelhão”. | NELSON ALMEIDA/Getty Images

Há 25 anos, o mundo era muito menos conectado e online do que é hoje. Em 1996, apesar dos avanços daquele ano, o celular era bem menos popular e poderoso do que é na atualidade. Os mais velhos vão lembrar do “Orelhão”. Até a internet não era tão comum e usual quanto hoje – e, claro, era muito mais lenta e pouco acessível.

Outro bom exemplo: o DVD foi lançado no Japão no final de 1996. Hoje, o aparelho ficou para trás...

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos