Antes da prata, Kelvin Hoefler dormiu em cozinha nos EUA, conta esposa

·2 minuto de leitura
Vitória de Kelvin Hoefler passa por sua esposa, Ana Paula, e a também skatista Pâmela Rosa (Foto: Jeff Pachoud/AFP via Getty Images)
Vitória de Kelvin Hoefler passa por sua esposa, Ana Paula, e a também skatista Pâmela Rosa (Foto: Jeff Pachoud/AFP via Getty Images)

A medalha de prata de Kelvin Hoefler, a primeira conquistada pelo Brasil nas Olimpíadas de Tóquio, passa por duas mulheres. São elas a sua esposa, Ana Paula Negrão, e a também skatista e competidora Pâmela Rosa. 

Kelvin e Ana Paula Negrão se conheceram em Roma. Apesar da 'treta' atual com Letícia Bufoni, era com a skatista brasileira que Ana Paula dividia apartamento quando conheceu Kelvin, como ela mesmo contou ao GloboEsporte.

Leia também:

"Eu dividia apartamento com a Letícia (Bufoni). E aí ele ficou na cozinha, porque era o único lugar que tinha. Tinha muita gente na nossa casa. A gente sempre acolhia o pessoal. Tinha gente da Argentina, do Chile. E ele alugou a nossa cozinha. Porque ele não queria ir embora, queria ficar, conquistar o sonho dele nos Estados Unidos", disse ao portal.

Cada uma estava em um país durante a prova. Pâmela competirá em Tóquio, enquanto Ana Paula teve que ficar na Califórnia, já que as imposições da pandemia a impediram de acompanhar Kelvin na Olimpíada. As duas torciam igualmente. Em entrevista na zona mista, o brasileiro até confirmou que conversava com as duas para ganhar força. 

"Eu falei que estava muito vento, e elas falaram: 'Troca, manda outra manobra. Manda essa aqui, passa a vela em tal lugar' [para deslizar]”, relatou. “As minas são foda, elas sabem o que está acontecendo.”

Sobre Pâmela Rosa, que estava em Tóquio, as dicas vieram por conhecê-lo desde os eventos amadores.

"A Pâmela sabe da técnica do Skate, eu cresci andando de skate com ela. Ela me conhece, em todos os eventos que a gente competia no passado, eventos amadores e tal. Até a mãe dela fazia uma excursão de ônibus para ir para os eventos. Ela me conhece muito bem. Ela me ajudou demais, demais, demais", falou Kelvin.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos