Comissão de arbitragem convida Fluminense para reunião após erros na estreia do Carioca

LANCE!
·1 minuto de leitura


A Comissão de Arbitragem do Futebol do Rio de Janeiro (COAF-RJ) convidou o Fluminense nesta sexta-feira para debater a atuação do árbitro Grazianni Maciel Rocha na partida contra o Resende, na noite de quinta-feira, no Maracanã, pela primeira rodada do Campeonato Carioca.

> Fluminense é o grande há mais tempo sem conquistar o Carioca: relembre as campanhas dos últimos 20 anos

A partida ficou marcada por dois erros de arbitragem. O primeiro, a não marcação de um pênalti do goleiro Jefferson em Miguel e a anulação de um gol legítimo de Caio Vinícius, quando foi dado impedimento. Além de Grazianni, os auxiliares foram Carlos Henrique Alves de Lima Filho e Rafael Sepeda de Souza. Vale lembrar que não há VAR nesta fase da competição.

Após a partida, o técnico Ailton Ferraz afirmou que o árbitro pediu desculpas pelos erros. O Flu acabou derrotado por 2 a 1, sofrendo um gol já no último minuto do confronto.

VEJA A TABELA DO CAMPEONATO CARIOCA

Ao longo do último Campeonato Carioca, Fluminense e Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) tiveram uma guerra nos bastidores. O problema chegou até a gerar ações criminais na Justiça de Rubens Lopes, presidente da entidade, contra Mário Bittencourt, que já foram retiradas. Na época, o Flu e o Botafogo eram contra o retorno precoce do futebol no meio da pandemia da Covid-19. Houve também um atrito por conta dos direitos de transmissão.