Comentarista da Band perde recurso e Justiça ordena entrega de apartamento leiloado

·1 min de leitura


O ex-goleiro Ronaldo Giovanelli perdeu um recurso para tentar manter a posse de seu apartamento em Tatuapé, em São Paulo. De acordo com o portal UOL, a Justiça do estado não aceitou o apelo do comentarista da Band e ainda determinou que a cobertura fosse entregue ao vencedor do leilão executado em maio deste ano.

> Confira a classificação atualizada do Brasileirão 2021 e simule as rodadas!

Ronaldo Giovanelli recorreu da decisão que leiloou seu imóvel afirmando que suas dívidas com o condomínio já prescreveram e não podiam ser cobradas. O ex-goleiro devia cerca de R$ 170 mil, equivalentes a 86 parcelas de condomínio que não foram pagas.

- O bem foi arrematado por preço vil, pois foi uma avaliação indireta, sem vistoria, desconhecendo-se benfeitorias, fora outras discussões técnicas processuais - acrescentou a advogada Sonia Giovanelli, que defende o comentarista da Band, reclamando também do preço estipulado para o apartamento pela perícia.

De acordo com o processo, Giovanelli deixou de pagar 86 parcelas do condomínio entre novembro de 2011 e março de 2019, totalizando R$ 169 mil em dívidas antes da correção pela inflação. O ex-goleiro entrou com um recurso pedindo anulação do leilão alegando que a dívida já prescreveu e não poderia ser cobrada.

O comentarista da Band também reclama da perícia, que avaliou o imóvel em R$ 950 mil mas que, de acordo com o ex-atleta, vale mais de um milhão de reais.

- Não há como dar razão a um condômino que possui o imóvel desde 17 de abril de 1991, e, ao ser cobrado judicialmente, argumenta que não pagou por não receber boletos ou por falta de convocação de assembleias - disse a defesa do condomínio à Justiça.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos