Comentarista corneta Conte: 'Não precisamos dele no PSG'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Conte fez altas exigências para comandar o PSG na próxima temporada #(OLI SCARFF / AFP)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Após as exigências de Antonio Conte para treinar o PSG terem sido reveladas, Jerôme Rothen, comentarista da "RMC Sport", afirmou que o clube não precisa do comandante italiano para conduzir a equipe. Sem desvalorizar o treinador do Tottenham, o francês pediu pessoas apaixonadas à frente do time da capital.

- Não precisamos do Conte no PSG. Quando escuta suas pretensões, devemos deixá-lo onde está. Não tenho certeza de que possa chegar em um clube como o Paris Saint-Germain, que precisa reconstruir sua reputação e imagem. Precisamos de gente apaixonada. Não digo que Conte não seja um apaixonado por futebol, mas parece mais apaixonado pelo cheque do que por treinar o Tottenham, o PSG ou outra equipe. Esse é o problema.

> Veja a tabela da Ligue 1

De acordo com a própria "RMC Sport", o comandante pediu cerca de 25 milhões de libras (R$ 155 milhões) por ano para comandar o PSG. O valor é quase o dobro do que o italiano recebe para treinar o Tottenham. Na Inglaterra, Conte recebe 13 milhões de libras (R$ 68 milhões).

Além do alto salário, o italiano buscava ter controle total das transferências que iriam acontecer no Paris Saint-Germain e exigia a contratação de um diretor de redes sociais para controlar o acesso dos jogadores em suas páginas pessoais por conta da exposição midiática.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos