Com um a menos, Remo arranca empate heroico contra Sampaio na Série B

·3 minuto de leitura


Nesta quinta-feira (30) o Sampaio Corrêa deixou escapar uma vitória importante para continuar sonhando com o acesso para a Série A do Brasileirão. Em duelo morno, Léo Artur fez o gol dos donos da casa, mas no finalzinho, com um a menos, o Remo empatou com Lucas Tocantins.

Com o resultado, a Bolívia Querida chegou aos 37 pontos e agora está há sete do Avaí, último integrante do G4. Enquanto isso, o Leão Azul está logo atrás, com os mesmos 37. No próximo domingo (3), às 20h30, os maranhenses viajam para enfrentar o Londrina. Por outro lado, os paraenses, recebem o Coritiba, na segunda-feira (4), às 20h (todos no horário de Brasília).

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

Jogo aberto e abertura do marcador

Os donos da casa começaram com as ações ofensivas e Léo Artur arriscou um chute de fora da área e Thiago defendeu, Logo depois, Watson apareceu bem na direita e acertou o travessão. A resposta do Remo aconteceu com Victor Andrade, em finalização de muito longe, mas após cobrança de lateral, a defesa remista bobeou, Pimentinha parou em Thiago e o rebote, Léo Artur aproveitou e abriu o placar.

Em seguida, o duelo ficou aberto, Rafinha aproveitou falha da marcação dos maranhenses e finalizou, mas Luiz Daniel espalmou para a linha de fundo. Mais tarde, Ciel recebeu passe de Pimentinha e sofreu pênalti. Mas, após checagem do VAR, foi constatado o impedimento do atacante. Por fim, o Sampaio Corrêa quase fez o segundo em chute de Ferreira.

Jogo frio, mas com expulsão

A segunda etapa começou morna em chances criadas, mas forte em faltas. Com 15 minutos, aconteceram quatro faltas para cartão amarelos, duas para cada lado. Porém, um deles foi cometido por Victor Andrade, em lance duro para cima de Pimentinha. Após checagem do VAR, o atacante foi expulso.

Com uma a mais, o Sampaio Corrêa começou a ter mais a posse de bola, mas sem efetividade. Enquanto isso, o Remo se fechou, com o técnico Felipe Conceição colocando o zagueiro Kevem e tirando Felipe Gedoz. Mesmo com um a menos, o Remo chegou em duas oportunidades. Primeiro em chute de Matheus Oliveira, de longe e logo depois com Raimar, em velocidade.

Empate heroico

No finalzinho, Lucas Tocantins recebeu sozinho na direita e acertou as redes para empatar o confronto.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA
SAMPAIO CORRÊA 1 x 1 REMO
Local:
Estádio Castelão de São Luís
Data/horário: 30 de setembro de 2021, às 21h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Rafael Martins de Sá (RJ)
Assistentes: Thiago Rosa de Oliveira (RJ) e Thiago Gomes Magalhães (RJ)
Quarto árbitro: Paulo Jose Souza Mourão (MA)
Árbitro de Vídeo (VAR): Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)
Assistente de Vídeo (VAR): Rejane Caetano da Silva (RJ)
Gols marcados: Léo Artur (13'/1T) (1-0), Lucas Tocantins (42'/2T) (1-1)
Cartões amarelos: Alyson, Allan, Eloir, Márcio Araújo (Sampaio Corrêa), Thiago Ennes, Rafael Jansen (Remo)
Cartões vermelhos: Victor Andrade (Remo)

SAMPAIO CORRÊA: Luiz Daniel; Watson (Luís Gustavo - Intervalo), Kanu, Allan (Éder Lima 12'/2T) e Alyson (Mascarenhas 12'/2T); Betinho, Ferreira, Eloir (Márcio Araújo 29'/2T) e Léo Artur; Ciel e Pimentinha (Jean Silva 19'/2T). Técnico: Felipe Surian.

REMO: Thiago Ennes, Rafael Jansen, Marlon e Raimar; Arthur (Lucas Tocantins 37'/2T), Marcos Júnior (Pingo - Intervalo), Lucas Siqueira (Matheus Oliveira - Intervalo) e Felipe Gedoz (Kevem 23'/2T); Rafinha (Jefferson - intervalo) e Victor Andrade. Técnico: Felipe Conceição.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos