Com tripulação 100% feminina, Ruda 1 é o primeiro barco inscrito na 49ª Semana Internacional de Vela de Ilhabela

·3 min de leitura
Aline Bassi / Balaio de Ideias


O empoderamento feminino também é destaque na Vela de Oceano do Brasil. Prova disso é que o primeiro barco a se inscrever para a 49ª Semana Internacional de Vela de Ilhabela tem a sua tripulação 100% feminina. O evento, que é a maior competição da modalidade do país e uma das mais importantes da América do Sul, acontece entre 23 e 30 de julho, com sede e realização do Yacht Club de Ilhabela e da Prefeitura Municipal de Ilhabela.

O barco Ruda 1 será capitaneado pela velejadora Daniela Sanchez e contará com a presença de Andrea Grael, Renata Belotti, Isabela Malpighi, Valeria Ravani, Cris Lueth, Daniela Naegeli e Marcia Sato na tripulação.

"A tripulação do Rudá 1 será composta por um grupo de amigas muito queridas, que se conhecem de muitas velejadas, risadas e histórias na água. O vínculo que nos une é a amizade e a paixão por velejar”, destaca a comandante Daniela Sanchez.

Para concretizar a participação na Semana de Vela, elas alugaram o Rudá 1, de propriedade de Mario Martinez, comodoro da ABVO (Associação Brasileira de Veleiros de Oceano): "Algumas meninas da equipe sempre velejaram juntas. No Jazz, capitaneado pela Valéria Ravani, nós, inclusive, fomos campeãs da Semana Internacional de Vela de Ilhabela de 2011. A ideia era voltarmos a velejar juntas, mas ninguém tinha barco disponível. Então resolvemos procurar um barco para velejar e o Mário fez a gentileza de nos ajudar para fazermos a 49ª Semana Internacional de Vela de Ilhabela”, contou Daniela.

“Formar uma tripulação totalmente feminina foi absolutamente natural, nem imaginei fazer de outro jeito. É uma ideia e uma experiência super gostosa. Nosso objetivo é velejar bem e se divertir muito”, acrescentou a comandante.

Esposa do multicampeão Torben Grael e mãe da bicampeã olímpica Martine Grael, Andrea Grael é um dos grandes nomes entre as mulheres velejando desde 1977. Ela também estará à bordo do Ruda 1 e enaltece a participação feminina na Vela de Oceano: “Ocupamos espaços e comandos em algumas embarcações e também em determinadas competições, onde fomos grandes destaques. Toda essa contribuição que a mulher pode dar para a Vela de Oceano é muito grande. Estou muito feliz em participar da Semana Internacional de Vela de Ilhabela, com esse grupo de mulheres. Estamos bem animadas para a competição,” disse Andrea que tem um vasto currículo com quatro participações em campeonatos mundiais nas classes Laser, Snipe e Europa, nove participações na tradicional Santos-Rio , Millenium Max, na Nova Zelândia, três idas à Refeno e diversas participações na Semana Internacional de Vela de Ilhabela.

Andrea lembra com carinho de uma conquista em Ilhabela em 1996 onde teve dupla comemoração: "Não lembro quantas vezes venci, mas uma que guardo com carinho, foi em 96, quando o Guga Zarif correu no Magia IV e eu era da tripulação. Enquanto isso, Torben estava na Olimpíada de Atenas. Nós ganhamos e o Torben foi ouro lá. Foi muito legal a dupla comemoração".

"O empoderamento feminino é um tema super atual e presente no nosso esporte. Ficamos muito felizes quando soubemos que o primeiro barco a se inscrever era totalmente feminino. A Semana Internacional de Vela de Ilhabela extrapola o esporte, se engajando ano a ano cada vez mais às causas sociais e a participação feminina no evento”, declarou Vanessa Lombardi, CEO da Full Time Eventos e Turismo, organizadora e produtora da Semana Internacional de Vela de Ilhabela.

INSCRIÇÕES – As inscrições estão abertas para as classes ORC, BRA-RGS, C-30, HPE-25, Clássicos, Bico de Proa, Mini e Multicasco, e podem ser feitas no site - https://www.sivilhabela.com.br/.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos