Com time misto e em ritmo de treino, Galo goleia e encaminha vaga

Diante de um público aquém de um grande jogo, o Atlético-MG não tomou conhecimento e atropelou o Sport Boys, da Bolívia, fora de casa, por 5 a 1, na noite desta quarta-feira, em jogo válido pela quinta rodada da Libertadores. Cazares, duas vezes, Rafael Moura, Elias e Otero fizeram os gols do alvinegro. Castillo, de pênalti, descontou para os mandantes. O resultado atesta o poder do elenco atleticano, que jogou com quatro titulares poupados - Fred, Robinho, Maicosuel e Gabriel.

Com o resultado, o time de Roger Machado reassumiu a ponta do grupo 6 do torneio, pelo menos provisoriamente, com dez pontos, e encaminhou a vaga nas oitavas de final. Para assegurá-la depende de um tropeço do Libertad, nesta quinta-feira, diante do Godoy Cruz, na Argentina. Os paraguaios estão em terceiro, com quatro pontos, e os argentinos também têm dez, mas um saldo pior (6 a 5) e menos gols a favor (10 a 8). Na última rodada, o Atlético-MG recebe o Godoy, no dia 16/05, pela liderança da chave. Já o Boys está eliminado, com um ponto.

Galo começa avassalador

Ciente da importância de vitória e da fragilidade do adversário, o Atlético entrou em campo disposto a matar a partida ainda no primeiro tempo e mostrar à torcida que também é forte fora de casa. E é o que parecia que aconteceria. Logo aos 16, o Galo já tinha feito 2 a 0, com Cazares, aos 10, e Rafael Moura. O primeiro gol saiu após cruzamento de He-Man, que contou com um desvio de Coimbra. A bola sobrou limpa para o venezuelano carregar e marcar.

Pouco antes disso, no primeiro minuto, Otero tinha colocado uma bola na traves. Ele também levou perigo em cobranças de falta. O segundo tento nasceu de uma jogada parecida com o primeiro. Novamente, o equatoriano apareceu bem e rolou para o He-Man marcar. Depois do começo avassalador, o Atlético-MG deu uma relaxada, mas ainda controlava o jogo. Os bolivianos eram tímidos e só conseguiram descontar de pênalti, aos 41, com Castillo.

Atlético-MG amplia e goleia

O segundo tempo começou da mesma forma do primeiro, com o Galo cantando alto e pressionando. Novamente no primeiro minuto, Otero parou na trave. Pouco depois Cazares chegou bem também, mas foi Elias quem ampliou. O volante recebeu ótimo cruzamento de Adílson, e escorou de peito para He-Man, que acertou a trave. No rebote, o camisa 8 ampliou, aos 15.

O quarto veio dois minutos depois, com Otero, enfim, premiado. Ele cobrou uma falta, o goleiro falhou feio e a vitória maiúscula transformou-se em goleada. O Sports Boys quase reduziu, com Edivaldo, mas foi o Galo quem voltou a marcar, com Cazares, aos 43, após boa jogada de Yago.














E MAIS: