Com 'temporal', Casagrande fatura pole em Goiânia. Camilo larga em 2º

FERNANDO SILVA

Gabriel Casagrande é o pole-position da corrida 1 da etapa de Goiânia da Stock Car. Com direito a grande volta na nublada tarde deste sábado (23), o paranaense da Crown Racing marcou 1min26s396 e superou Thiago Camilo em 0s172 no Q3. César Ramos, com a Blau, surpreendeu ao se colocar na terceira colocação, abrindo a segunda fila que vai contar também com Lucas Foresti. Felipe Fraga, candidato ao título, obteve a quinta posição no grid com a Cimed e vai largar lado a lado com Guga Lima, companheiro de Foresti na Vogel, que obteve sua melhor classificação na Stock Car.

A sessão começou com atraso de 45 minutos em razão do dilúvio que despencou em Goiânia. A pista, bastante encharcada, acabou por embaralhar as peças do jogo, com Ricardo Maurício, outro que concorre pelo título, sendo o mais prejudicado, largando apenas em 27º, enquanto Rubens Barrichello vai partir em 19º. Daniel Serra, por sua vez, acabou sendo superado no fim do Q2 e vai largar na sétima posição neste domingo.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

A corrida 1 da Stock Car neste domingo em Goiânia está marcada para 11h (horário de Brasília), com a corrida 2 sendo disputada a partir de 12h02. O GRANDE PRÊMIO cobre 'in loco' a etapa de Goiânia da Stock Car neste fim de semana com o repórter Felipe Noronha. Acompanhe tudo aqui.

Gabriel Casagrande garantiu a pole-position em Goiânia (Foto: Bruno Terena/RF1)

Saiba como foi o treino classificatório da etapa de Goiânia da Stock Car 

A sessão estava prevista para começar 13h30 (de Brasília), mas foi adiada por conta de um verdadeiro temporal em Goiânia, o que levou a direção de prova a mudar toda a programação. O volume d'água era tão grande que até um carro de serviço, usado para fazer a inspeção da pista, rodou por conta do asfalto, bastante encharcado.

Os boxes mesmo só foram abertos para o Q1 às 14h15, 45 minutos de atraso, portanto, já com muito menos chuva. Os pilotos do primeiro grupo, os mais bem posicionados no campeonato, abriram a sessão com a pista melhorando continuamente. Assim, os competidores correram contra o tempo para buscar o maior número de voltas em busca de um lugar no Q2.

Felipe Fraga foi quem melhor tirou proveito das melhores condições da pista e marcou 1min31s997, contra 1min32s011 de Thiago Camilo. Daniel Serra fez o terceiro tempo do G1, seguido por Gabriel Casagrande, Nelsinho Piquet, Ricardo Zonta, Rubens Barrichello, Júlio Campos e Bruno Baptista, com Átila Abreu ficando logo atrás, em 11º.

A chuva adiou o início da classificação da Stock Car em Goiânia (Foto: Reprodução)

Os pilotos do segundo grupo foram à pista para suas tentativas de volta rápida, mas, mesmo com o fim da chuva, acabaram prejudicados. Tudo por conta da forte batida sofrida por Denis Navarro na entrada da reta dos boxes, ao escapar com seu carro e bater no guard-rail. A direção de prova acionou a bandeira vermelha quando restavam 5min52s para o desfecho do Q1. Ninguém do G2 havia marcado tempo.

Na sua primeira tentativa de volta rápida, Valdeno Brito acabou passando reto no trecho que une o circuito misto com o anel externo de Goiânia. Lucas Foresti foi bem na sua tentativa e subiu para terceiro, sendo seguido por Gaetano di Mauro. Logo depois, César Ramos colocou o carro da Blau na frente com 1min31s858.

Em seguida, Foresti respondeu e assumiu a ponta do Q1 com 1min31s697, seguido por Ramos, deixando Fraga em terceiro e Camilo em quarto. Guilherme Salas, de volta à Stock Car no lugar de Marcos Gomes no carro da KTF em Goiânia, assumia a quinta posição, que virou sexto após a volta feita por Felipe Lapenna.

Lucas Foresti aproveitou a pista mais seca e foi o mais rápido do Q1 (Foto: Marcus Cicarello)

Mas ainda restava tempo para melhorar mais os tempos de volta. E Foresti reforçou sua posição na frente com 1min31s458. Marcel Coletta pulou para segundo lugar, com Ramos em terceiro, Fraga e Camilo fechando no top-5. Avançaram também para o Q2 Lapenna, Salas, Guga Lima, Allam Khodair, Valdeno Brito, Gaetano di Mauro, Serra, Casagrande, Rafael Suzuki e Nelsinho Piquet.

Dentre os postulantes ao título, quem levou o maior prejuízo foi Ricardo Maurício, que não passou da 27ª posição no grid da corrida 1.

Os 15 pilotos com melhor tempo no Q1 voltaram à pista em busca de uma vaga entre os seis primeiros que partiriam para disputar a pole-position. Salas foi o primeiro a marcar tempo no Q2 com 1min31s008, mas logo Fraga assumiu a liderança na sua volta de abertura no segundo segmento da sessão.

Guga Lima surpreendeu e se colocou em quarto lugar no Q1 (Foto: Reprodução)

Em seguida, Camilo colocou o carro #25 neste fim de semana, em homenagem a Tuka Rocha, na liderança, com Foresti dando sequência à sua melhor classificação no ano, aparecendo em segundo. Casagrande, com bom histórico em classificações em 2019, também entrava para a briga e se colocava em segundo, entre Camilo e Foresti. Fraga, Serra e Ramos eram os seis que estavam para avançar ao Q3.

Os segundos finais do Q2 reservaram uma grande surpresa. Guga Lima conseguiu a proeza de tirar Daniel Serra do Q3 e assegurou o quarto lugar na tabela de tempos, avançando para a fase final ao lado de Ramos, Fraga, Foresti, Casagrande e Camilo, que melhorou ainda mais seu tempo ao cravar 1min30s248.

As condições da pista fizeram com que os pilotos arriscassem, colocando pneus slicks no lugar dos compostos de chuva para o Q3.

César Ramos foi o primeiro a partir para fazer sua volta rápida. O gaúcho da Blau virou um tempo muito bom na comparação com as voltas do Q1 e Q2, marcando 1min27s156. Fraga foi o próximo a fazer sua volta e chegou a superar Ramos no segundo setor, mas no total acabou sendo superado pelo dono do carro #30 em 0s426.

O próximo do Q3 a abrir volta foi Guga Lima, pela primeira vez no Q3. O brasiliense da Vogel ficou longe da parcial de Ramos nos três setores da pista e virou 1min27s913, 0s757 atrás do gaúcho da Blau. Lima dava passagem ao conterrâneo e companheiro de equipe Lucas Foresti, um dos destaques do sábado com grande performance na classificação. O #12 ficou bem perto, mas também não superou César ao virar 1min27s275, subindo para a segunda posição do Q3.

Penúltimo na fila, Casagrande foi à pista para tentar a pole. Logo na primeira parcial, o paranaense da Crown Racing fez tempo melhor que o de Ramos, confirmando a volta perfeita na sequência da pista. Com um temporal, Gabriel anotou 1min26s393, deixando César para trás com 0s760 de vantagem. Na sequência, Camilo abriu sua volta rápida para tentar sua sétima pole na temporada. Thiago virou as duas primeiras parciais mais lento que Casagrande, foi mais rápido no terceiro setor, mas não foi o bastante. 1min26s568 para o piloto da Ipiranga A. Mattheis, que ficou a 0s172 da pole, que ficou mesmo com Casagrande em Goiânia.

Stock Car 2019, Goiânia, corrida 1, grid de largada:

1

G CASAGRANDE

Crown

 

1:26.396

+0.172

 


2

T CAMILO

Ipiranga A. Mattheis

 

1:26.568

+0.760

 


3

C RAMOS

Blau

 

1:27.156

+0.879

 


4

L FORESTI

Vogel

 

1:27.275

+1.186

 


5

F FRAGA

Cimed

 

1:27.582

+1.517

 


6

G LIMA

Vogel

 

1:27.913

+4.482

 


7

D SERRA

RC Eurofarma

 

1:30.878

+4.541

 


8

F LAPENNA

Cavaleiro

 

1:30.937

+4.608

 


9

N PIQUET

Full Time

 

1:31.004

+4.612

 


10

G SALAS

KTF

 

1:31.008

+4.623

 


11

M COLETTA

Crown

 

1:31.019

+4.652

 


12

G DI MAURO

Shell Helix Ultra

 

1:31.048

+4.916

 


13

A KHODAIR

Blau

 

1:31.312

+4.947

 


14

V BRITO

Prati Donaduzzi

 

1:31.343

+5.040

 


15

R SUZUKI

Hot Car

 

1:31.436

+6.010

 


16

C BUENO

Cimed

 

1:32.406

+6.130

 


17

R ZONTA

Shell V-Power

 

1:32.526

+6.140

 


18

B FIGUEIREDO

Ipiranga A. Mattheis

 

1:32.536

+6.163

 


19

R BARRICHELLO

Full Time

 

1:32.559

+6.169

 


20

J CAMPOS

Prati Donaduzzi

 

1:32.565

+6.276

 


21

B BAPTISTA

RCM

 

1:32.672

+6.349

 


22

A ABREU

Shell V-Power

 

1:32.745

+6.379

 


23

M WILSON

RCM

 

1:32.775

+6.416

 


24

D NUNES

KTF

 

1:32.812

+6.642

 


25

G OSMAN

Shell Helix Ultra

 

1:33.038

+6.661

 


26

R REIS

Carlos Alves

 

1:33.057

+6.702

 


27

R MAURÍCIO

RC Eurofarma

 

1:33.098

+10.006

 


28

T ANTONIAZZI

Hot Car

 

1:36.402

+32.604

 


29

D NAVARRO

Cavaleiro

 

 

 

 






Paddockast # 43

QUAL FOI O MELHOR GP DO BRASIL QUE VOCÊ ASSISTIU?


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM






Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo


O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.


Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.







Leia também