Com segundo melhor ataque entre times da Série A, Fluminense tem boa distribuição de gols pelo elenco


A eliminação precoce na Copa Sul-Americana pode ter deixado a impressão que o 2020 do Fluminense começou de forma negativa. Mas o torcedor tricolor deve ter ido para a paralisação do futebol devido à pandemia do coronavírus com alguma esperança de que o time pode fazer uma boa temporada pela frente, quando o esporte voltar. Isto porque, dentro de campo, o time de Odair Hellmann apresentou bom futebol e, principalmente, bom poder ofensivo.

Para o treinador, mais importante do que o fato do seu time ter o segundo melhor ataque entre os times da Série A, com 32 tentos marcados em 15 partidas, atrás apenas do Flamengo, com 36, é a criação e a variação de jogadas ofensivas. E a distribuição desses gols marcados pelo elenco, o que não faz o Tricolor ser muito dependente de apenas um jogador, mesmo com Nenê disparado na artilharia, com nove gols marcados.

Além de Nenê, outros 11 jogadores marcaram pelo Fluminense nesta temporada. Apenas Flamengo (14), Bahia (14) e Fortaleza (13) têm mais atletas em seus elencos com gols anotados em 2020, entre os times da Série A. Mas vale lembrar que os dois primeiros utilizaram times alternativos em algumas partidas neste começo de ano e, por isso, mais jogadores tiveram a oportunidade de atuar e marcar.

- Nós temos o segundo número de gols no futebol brasileiro, o que mostra que a nossa parte ofensiva está construindo, está criando e também está definindo bem. Claro que em algumas partidas tem mais dificuldade, em outras menos, mas acho que estamos conseguido transformar tudo o que temos treinado e idealizado nas características dos jogadores que estão iniciando. Temos conseguido marcar muitos gols, isso é importante, e está diversificando os marcadores, o que mostra a importância de todos no plantel - afirmou o técnico Odair Hellmann após a vitória por 2 a 0 sobre o Vasco, última partida antes da paralisação do futebol.

- Independente de quem marca, eu, como treinador, busco sempre a melhor performance, a vitória. Independente de quem faço gol, que vença o Fluminense - completou o treinador.

Confira quem já marcou pelo Fluminense em 2020
Nenê - 9 gols (13 jogos)
Marcos Paulo - 5 gols (10 jogos)
Evanilson - 5 gols (9 jogos)
Luccas Claro - 3 gols (8 jogos)
Wellington Silva - 2 gols (8 jogos)
Gilberto - 2 gols (12 jogos)
Gabriel Capixaba - 1 gol (2 jogos)
Felippe Cardoso - 1 gol (5 jogos)
Fernando Pacheco - 1 gol (8 jogos)
Nino - 1 gol (6 jogos)
Yago Felipe - 1 gol (10 jogos)
Hudson - 1 gol (10 jogos)





















Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também