Com São Paulo 'bom e barato', Ceni promete time competitivo: 'Lutar por cada jogo'

Ceni durante treinamento na última sexta, no CT da Barra Funda (Foto: Divulgação)


Dos grandes clubes paulistas, ninguém mexeu mais no elenco para este ano em comparação com 2022 que o São Paulo. Ciente da expectativa criada, o técnico Rogério Ceni evita fazer prognósticos sobre o Tricolor para a atual temporada.

Segundo o comandante tricolor, a entrega da equipe durante as partidas será fundamental na busca pelos resultados.

- Nosso objetivo é ser sempre extremamente competitivo, mudar a característica do time, ser uma equipe com uma transição mais rápida. Para isso, ainda precisamos de algumas peças. Diminuir a folha salarial, fazer um time mais barato, com fome de vencer. É um time que entra em campo para lutar por cada jogo. Temos um bom grupo de trabalho.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.


+ Veja quanto os times brasileiros recebem dos patrocinadores master
+ Confira as principais negociações do futebol nacional no Mercado da Bola do L!

No final do ano passado, após a vaga na Copa Libertadores virar um sonho impossível, Ceni enfrentou os jornalistas e disse que a austeridade financeira com um time mais modesto seria a saída mais lógica no Morumbi.

Na cabeça do treinador, é inevitável a comparação com o Fortaleza, clube treinador pelo ex-goleiro que passou por uma reformulação em suas mãos, saindo da Série B para duas vagas seguidas na Libertadores. Para Ceni, o 'bom e barato' surpreenderá positivamente a torcida.

- É legal almejar coisas grandes, mas é importante valorizar o que temos. Valorizo o grupo de atletas que tenho. Em determinadas posições, temos gente sobrando. Temos vários volantes para jogar. Na lateral e nos lados, ainda estamos procurando jogadores. Sabemos o quanto é difícil contratar. Mas estamos no caminho certo. Temos que dar muito valor aos que estão trabalhando, eles têm se entregado muito ao trabalho. Todos estão interessados e lutando pelo espaço. É bom ver essa competitividade.

- O time vai se competitivo e tentará encorpar no Paulistão. É um trabalho coletivo. Espero que o São Paulo faça boa apresentação desde o início do Paulistão. Vamos brigar para estar novamente em uma final e fazer uma melhor apresentação - completou Ceni, que ainda disse o que espera de sua equipe para a temporada:

- Quero que meu ataque faça gols, meu time não sofra gols, volantes que marcam (risos)....a gente não fala nada para não criar essa facilidade, mas quero que seja um time mais consistente defensivamente. Tentar ser uma equipe de transição mais rápida, mais forte na marcação. Não tivemos contratação com bola aérea, mas estamos trabalhando a cada dois dias a bola parada para tentar sermos melhores defensivamente. É o principal ponto para dar liberdade aos que criam. Taticamente, vamos nos ajustando com o passar do tempo, com o entrar em forma de cada jogador, como o Méndez, que vejo com potencial. Vários jogadores voltaram melhores do que voltaram de 2021 para 2022.

> Confira jogos, classificação e simule os resultados do Paulistão-23