Com proposta do Emirates Club, Lucas Mezenga pede rescisão com o Botafogo junto à Justiça

·1 minuto de leitura


Um dia antes da partida contra o Vitória, pela Série B do Brasileirão, o Botafogo tem um grande problema para resolver fora de campo. Nesta terça-feira, Lucas Mezenga entrou na Justiça pedindo a rescisão com o Alvinegro e junto ao Nova Iguaçu, clube que pertence e que detém os direitos econômicos. A informação foi dada primeiramente por Matheus Mandy e confirmada pelo LANCE!.

O zagueiro relatou R$ 20 mil em dívidas trabalhistas para quebrar o vínculo com as duas equipes. A Justiça deu até 48 horas para Botafogo e Nova Iguaçu se manifestarem sobre o pedido. Internamente, o Alvinegro não reconhece os valores colocados pelo defensor e já acionou o Departamento Jurídico para acionar uma defesa no caso.

Lucas Mezenga tem uma proposta do Emirates Club, dos Emirados Árabes Unidos, de R$ 400 mil. Os empresários e o jogador se interessaram pela possível mudança, mas o Botafogo, que possui preferência sobre o jogador até dezembro - data que termina o empréstimo junto ao Nova Iguaçu - recusou porque não colocaria nada deste valor no bolso.

Os representantes e o defensor, porém, querem a ida para a Ásia, já que os valores salariais seriam bem maiores do que a realidade do futebol brasileiro. Botafogo e Nova Iguaçu prometem recorrer para não deixar o jogador sair de graça.

Mesmo com todo este entrave, Lucas Mezenga está relacionado para a partida contra o Vitória, nesta quarta-feira. Sem Joel Carli, ele será a única opção de zagueiro no banco de reservas - Kanu e Gilvan formarão a dupla de defensores titulares.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos