Com o fim da rodada, Vasco aumenta chance de acesso após mais uma vitória; confira as probabilidades

·2 minuto de leitura


Antes da chegada de Fernando Diniz, o Vasco atingiu a marca de apenas 3% de chance de voltar à elite do futebol brasileiro. Contudo, com duas vitórias seguidas, o time tem, atualmente, 9,2% , de acordo com o Departamento de Matemática da UGMG. A diferença para o quarto colocado, Avaí, é de seis pontos, restando onze rodada para o fim da Série B.


Na próxima rodada, o Gigante da Colina terá pela frente o penúltimo colocado, Confiança (SE), domingo, às 18h15, no Estádio Lourival Batista. Em caso de mais um triunfo, o time terá que torcer para os tropeços de Avaí e CRB. Os alagoanos entram em campo neste sábado, às 18h30, no clássico diante do CSA.

+ Confira e simule a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

O Leão da Ilha, por sua vez, encara o Botafogo, no Nilton Santos, também neste sábado, às 19h, Portanto, o Vasco pode diminuir ainda mais a diferença para o G4. O Goiás tenta voltar a vencer depois de três derrotas seguidas ao enfrentar o Vitórias, às 16h, na Serrinha.

Por fim, o líder Coritiba visita o Remo, no Baenão, na segunda-feira, às 20h depois de ter apenas empatado com o Confiança (SE), no Couto Pereira. O Guarani também jogará fora de casa, no Augusto Bauer, contra o Brusque, às 16h, neste sábado.

+ Sob o comando de Diniz, Vasco busca melhorar números fora de casa para garantir o acesso na Série B

Restando onze rodadas, oito vitórias são essenciais para garantir o acesso e retornar à elite do futebol brasileiro. Com mais sete triunfos, vai depender da nota de corte desta edição da Série B. Na temporada passada, o quarto colocado Cuiabá subiu com 61. No ano anterior, o Atlético-GO garantiu a vaga com 62 pontos. Confira essas notas de corte aqui.

Confira as chances de subir de cada clube da Série B do Brasileirão

1º - Coritiba - 97.0%
2º - Botafogo - 83.9%
3º - Avaí - 64.2%
4º - CRB - 58.7%
5º - Goiás - 46.9%
6º - CSA - 18.5%
7º - Guarani -16.1%
8º - Vasco da Gama - 9.2%
9º - Remo - 2.5%
10º - Sampaio Corrêa - 1.6%
11º - Náutico - 0.51%
12º - Operário - 0.34%
13º - Ponte Preta - 0.32%
14º - Vila Nova (GO) - 0.20%
15º - Cruzeiro - 0.050%
16º - Brusque - 0.009%
17º - Londrina - 0.002%
18º - Brasil de Pelotas - 0.000%
18º - Confiança (SE) - 0.000%
18º - Vitória - 0.000%

* Números baseados nos estudos do departamento de matemática da UFMG.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos