Com mais sorte do que juízo, Holanda mostra que ainda tem muito a melhorar na Copa do Mundo


A vitória sobre Senegal por 2 a 0 trouxe grande alívio para a Holanda na estreia. Os comandados de Louis Van Gaal faziam uma partida bastante abaixo das expectativas e acabaram 'premiados' com dois gols no fim, em falhas do goleiro Mendy. No entanto, o resultado não pode mascarar a atuação fraca e a necessidade de melhora.

SAÍDA DE BOLA LENTA

A grande questão para a seleção holandesa na estreia foi a saída de bola. Jogando com três zagueiros, dois alas e dois volantes à frente da defesa, era natural que a equipe de Van Gaal fosse rodar a bola até encontrar os espaços. No entanto, a estratégia de marcação pressão de Senegal surtiu efeito e frustrou os planos da Holanda.

+ Decisivo e elogiado pelo ídolo: conheça Cody Gakpo, autor do primeiro gol da Holanda na Copa

O resultado desse antídoto senegalês foi o desastre na troca de passes da Laranja Mecânica. Frenkie De Jong ficou sobrecarregado, e os zagueiros passaram a ter que fazer a transição da defesa para o ataque. O jogo não fluiu e, quando chegava ao setor ofensivo, a Holanda não agredia, no estilo 'arame liso'.

ZAGA EXPOSTA E ESPAÇO NOS CONTRA-ATAQUES

E quando não se ataca com qualidade e com os defensores tão avançados, os espaços tendem a aparecer. Os atacantes de Senegal "deitaram e rolaram" por todos os lados da defesa holandesa, especialmente na esquerda, onde ficavam Blind e Aké.

Sobrou para o goleiro Noppert salvar a Holanda em diversas oportunidades, sendo eleito um dos melhores em campo na partida. Van Dijk também "se salvou" em partida apagada da zaga, que teve De Ligt como grande decepção.

Holanda x Senegal
Holanda x Senegal

Klaasen marcou o gol que selou o triunfo holandês em Doha (OZAN KOSE / AFP)

ALGUMAS LUZES NO FIM DO TÚNEL

Além de Noppert e Van Dijk, especialmente o goleiro, outros que se destacaram foram Frenkie De Jong e Cody Gakpo. O volante do Barcelona, mesmo muito marcado, conseguiu fazer o jogo da Holanda rodar e deu a assistência para o gol do jovem atacante.

+ Mendy falha duas vezes em derrota de Senegal na Copa do Mundo e agrava mau momento na temporada

O jovem do PSV, por sua vez, mostrou novamente o poder de decisão visto na liga local. Com o gol contra Senegal, ele chegou a quatro em nove jogos pela Laranja Mecânica, mostrando que não sentiu a pressão de uma das camisas mais pesadas dessa Copa do Mundo.

PRÓXIMO COMPROMISSO

Com o triunfo, a Holanda chegou aos três pontos e empatou no saldo de gols com o Equador na liderança do Grupo A. Os sul-americanos são justamente os próximos a enfrentarem a Laranja Mecânica, pela primeira colocação da chave. Para o confronto, Louis Van Gaal terá três dias de treinos.

Holanda e Equador se enfrentam na sexta-feira, às 13h (de Brasília), no Estádio Internacional Khalifa.