Com golpe brutal, 'Bate-Estaca' conquista título peso-palha do UFC

AgFight

Foi de maneira brutal e inusitada que Jéssica ‘Bate-Estaca’ conquistou o título peso-palha (52 kg) do UFC. Justamente com o golpe que lhe dá apelido, a brasileira atirou Rose Namajunas de cabeça contra o chão e nocauteou a adversária no evento de número 237, realizado no Rio de Janeiro (RJ), neste sábado (11). O fortíssimo impacto da então campeã contra o chão causou muita preocupação, mas ‘Thug‘ levantou alguns minutos depois. Com o resultado, o Brasil tem três dos quatro cinturões femininos do Ultimate: além de Jéssica, Amanda Nunes tem o ouro das categorias galo (61 kg) e pena (66 kg).

O primeiro round teve de tudo: queda plástica de Jéssica, knockdown com joelhada de Namajunas, trocação franca e brasileira sangrando. Os cinco minutos iniciais mostraram quão mais rápida era a americana, que, além de longilínea, conseguia esquivar da grande maioria dos potentes socos da atleta da equipe ‘PRVT‘. Apesar de a paranaense – verdadeiro tanque – andar para frente o tempo inteiro, foi a americana quem acertou os melhores golpes do assalto inicial.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Jéssica voltou do intervalo melhor e mais atenta à movimentação da adversária. Os cruzados da brasileira começaram a fazer Rose recuar e, ao conseguir aproximar-se da rival, a paranaense a carregou no ar – o que já havia feito no primeiro assalto. Desta vez, porém, conseguiu concluir o golpe raro, jogando Namajunas no solo. A pancada na cabeça imediatamente apagou a então detentora do cinturão.

‘Bate-Estaca’, de certa forma, “salvou” o Brasil no card principal. Isso porque, antes dela, Bethe Correia, Thiago ‘Pitbull’, José Aldo e Anderson Silva perderam seus duelos para atletas estrangeiros. ‘Spider’, inclusive, repetiu a cena histórica de 2013, contra Chris Weidman, ao ser derrotado em uma luta por causa de uma lesão na perna.

Confira os resultados completos do UFC 237:

Palha feminino (52 kg) | Jéssica ‘Bate-Estaca’ venceu Rose Namajunas por nocaute a 2min58s do segundo round
Médio (84 kg) | Jared Cannonier venceu Anderson Silva por nocaute técnico a 4min47s do primeiro round
Pena (66 kg) | Alexander Volkanovski venceu José Aldo por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Meio-médio (77 kg) | Laureano Staropoli venceu Thiago ‘Pitbull’ por decisão unânime (30-27, 30-27, 29-28)
Galo feminino (61 kg) | Irene Aldana venceu Bethe Correia por finalização a 3min24s do terceiro round
Meio-pesado (93 kg) | Ryan Spann venceu Rogério ‘Minotouro’ por nocaute a 2min07s do primeiro round
Leve (70 kg) | Thiago Moisés venceu Kurt Holobaugh por decisão unânime (30-26, 30-26, 30-27)
Meio-médio (77 kg) | Warlley Alves venceu Sérgio Moraes por nocaute a 4min13s do terceiro round
Leve (70 kg) | Clay Guida venceu B.J. Penn por decisão unânime (29-28, 29-28 e 29-27)
Mosca feminino (57 kg) | Luana ‘Dread’ venceu Priscila ‘Pedrita’ por decisão unânime (30-26, 30-26, 29-27)
Galo (61 kg) | Raoni Barcelos venceu Carlos Huachin por nocaute técnico a 4min49s do segundo round
Galo feminino (61 kg) | Viviane Araújo venceu Talita Bernardo por nocaute aos 48s do terceiro round

 

Leia também