Com golaço de calcanhar, Palmeiras sai na frente em decisão no Brasileirão Feminino

·2 minuto de leitura


As Palestrinas começaram a busca por uma vaga inédita na final do Brasileirão A1 nesta segunda-feira (30). Diante do Internacional, no Beira Rio, a equipe foi uma visitante indigesta e venceu o jogo de ida da competição por 1 a o, com golaço de Chú.

Ricardo Belli foi com força máxima para o confronto e mandou a campo: Jully; Agustina, Thaís e Tainara (Duda Santos); Bruna Calderan, Ary Borges (Rafa Andrade), Júlia Bianchi, Katrine e Camilinha (Chú); Carol Baiana e Maria Alves.

Nos minutos iniciais de jogo, o Internacional começou controlando as ações e quase chegou ao gol após uma falha da zaga palmeirense. Porém, esse domínio durou pouco – logo aos sete minutos, a árbitra chegou a dar um pênalti para as visitantes, mas, após consulta ao VAR, voltou atrás.

Cinco minutos depois, as Palestrinas tiveram duas boas chances, com Maria Alves tentando encobrir a goleira Vivi e depois com Bruna Calderan cabeceando no travessão após uma cobrança de escanteio. Depois de um começo de partida frenético, as equipes acabaram equilibrando o domínio, mantendo as ações no meio de campo, até o final do primeiro tempo.

Para os 45 minutos finais, Ricardo Belli voltou com uma equipe mais ofensiva, colocando Chú e Duda Santos no lugar de Camilinha e Tainara. Mas quem começou no ataque foi o time colorado, com Jully saindo do gol para fazer grande defesa. Bruna Calderan respondeu, chutando cruzado, mas a bola acabou saindo. O segundo tempo foi se desenrolando como na primeira etapa, com as duas equipes concentrando as atividades no meio campo, com mais faltas e chegadas duras.

O que caminhava para um jogo morno, aos 29 minutos, Júlia Bianchi cruza para a área e Chú, de calcanhar, marca um golaço para abrir o placar no Beira Rio. Depois do gol, o Internacional esboçou uma reação e até chegou a marcar, mas a atacante cometeu falta na goleira Jully e o gol foi anulado. A goleira palmeirense ainda fez uma grande defesa em chute da Sorriso.

Agora, os clubes voltam a se enfrentar no próximo domingo (5), às 11h, no Allianz Parque. Com a vitória, as palmeirenses conseguem a vaga com um empate.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos