Com gol nos acréscimos, Fluminense bate Porto Vitória em sua estreia na Copinha

Fluminense lutou até o fim para garantir a vitória (LEONARDO BRASIL/ FLUMINENSE FC


O Fluminense pressionou, cercou a área e encontrou muitos desafios pela frente. Mas, com gol de Agner na reta final, estreou na Copa São Paulo de Futebol Júnior batendo por 1 a 0 o Porto Vitória. Com a vitória, os Moleques de Xerém vão a três pontos. A equipe de Ricardo Resende está na segunda colocação. O líder do Grupo 19 é o Imperatriz-MA, que goleou por 3 a 0 o Taubaté.

+ MERCADO DA BOLA: veja as movimentações do seu clube de coração

Na sexta-feira (6), os tricolores medem forças com a equipe maranhense pela segunda rodada.

ETAPA INICIAL SONOLENTA E SEM GOLS

O Fluminense tomou as rédeas da partida, apostando na troca de passes com Isaac, Luan Brito e João Neto. No entanto, a equipe de Ricardo Resende era burocrática ao trocar passes no meio de campo e se restringia a cruzamentos.

Em chance mais incisiva, Jhonny cruzou da direita e Luan Brito se antecipou. No entanto, ao tirar do goleiro, o camisa 9 mandou para fora. Diante de um Porto Vitória que se restringiu a se defender, os tricolores assustaram em cabeçadas de Felipe e Isaac. Mas, pouco inspirados, os Moleques de Xerém viram a falta de pontaria falar mais alto.

COM ISAAC INSPIRADO, FLUMINENSE LUTA ATÉ A VITÓRIA

Os tricolores voltaram do intervalo em ritmo acelerado. Após troca de passes, Jhonny entrou na área e bateu rasteiro. Marcão enrolou-se ao tentar a defesa, mas ninguém aproveitou a sobra. Foi a vez de Isaac entrar em cena. Primeiro, o camisa 11 levou em uma cabeçada rente à trave. Em seguida, encheu o pé e fez o goleiro do Porto Vitória se desdobrar para salvar.

O Tricolor das Laranjeiras se empolgava e via João Neto arriscar jogadas. No entanto, a defesa do Porto Vitória continuava bem postada. Porém, aos poucos, o Verdão começou a achar brechas para assustar o adversário. Iguinho engatou contra-ataque e finalizou, mas a bola foi rente à trave de Gustavo Ramalho. Natã e Vitor Santos ainda tentaram chances, só que não tiveram sucesso.

Mais perigoso do Fluminense, Isaac teve mais uma chance claríssima. O camisa 11 finalizou e a bola bateu na trave. Na sobra, João Neto se lançou à frente, mas esbarrou em defesa de Marcão. O camisa 1 ainda foi exigido em outras duas tentativas de Isaac.

Em reta final mais acelerada, o Porto Vitória tentou em cruzamento de Iguinho no qual Yan não aproveitou. Em seguida, Marcão foi exigido em duas chances de Isaac. De tanto pressionar, o Fluminense conseguiu a vitória no finzinho.

Após lançamento, Isaac ajeitou de calcanhar. Agner ajeitou a bateu no cantinho da meta de Marcão aos 47 do segundo tempo.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 1x0 PORTO VITÓRIA


Data-Hora:
03 de janeiro de 2023, às 17h45.
Estádio: Joaquim de Morais Filho, em Taubaté (SP)
Árbitro: Fagson Júnior dos Santos Silva (SP)
Assistentes: Matheus Guilherme Bisseli da Cruz (SP) e Alexandre Nascimento da Silva (SP)
VAR: Carlos Donizete Pianosqui (SP)

Cartões amarelos: João Neto (FLU) e Victor Hugo (PVT)

Gol: Agner, 47/2T (1-0)

FLUMINENSE: Gustavo Ramalho; Jhonny, Felipe (Kayky Almeida, intervalo), Lucas Justen e Jefté; Erick (Luis Fernando, 21/2T), Freitas (Rafael Monteiro, 38/2T), Arthur (Agner, 21/2T) e João Neto; Isaac e Luan Brito (Thiago, 48/2T). Técnico: Ricardo Resende.

PORTO VITÓRIA: Marcão; Reynald (Zé, 24/2T), Vinicius, Café e Breno; João Vieira (Victor Hugo, 24/2T), Henrique e Gabriel Paulista (Vitor Santos, intervalo); Talerson (Iguinho, intervalo), Yan e Natã (Tanguinha, 43/2T). Técnico: Thiago Nogueira