Com gol no fim do jogo, Sampaio Corrêa vence o Brasil de Pelotas pela Série B

·3 min de leitura


No estádio Castelão, em São Luís, partida válida pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, o Sampaio Corrêa venceu o Brasil de Pelotas pelo placar de 2 a 1. A vitória da Bolívia Querida começou a ser construída aos 8 minutos da etapa final, gol de Roney. Aos 16, um susto. Erison recebeu belo passe e empatou o jogo. Mas, aos 45, Pimentinha rolou para o volante Maurício, que limpou a jogada e bateu para fazer o gol que garantiu os três pontos para o tim maranhense.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

CALENDÁRIO
Na próxima rodada, o Brasil de Pelotas enfrenta o Guarani, no Bento Freitas, em Pelotas, no dia 10 de novembro. Já o Sampaio Corrêa recebe o Vila Nova, no estádio Castelão, em São Luís, dia 11 de novembro.

A partida
SAMPAIO CORRÊA COMEÇA ASSUSTANDO
Precisando vencer o já rebaixado Brasil de Pelotas, o time do Sampaio Corrêa começou o jogo partindo para o ataque e criando uma oportunidade claríssima para marcar. Em belo cruzamento de Roney, Ciel, dentro da pequena área, acabou cabeceando por cima do gol e desperdiçando o que seria a abertura do placar.

BRASIL DE PELOTAS NÃO CONSEGUE ATACAR E SE SEGURA NA DEFESA
O Sampaio Corrêa mandava no jogo e acuava o Brasil de Pelotas na defesa. Com dificuldade para construir jogadas no ataque, o Xavante só conseguiu “assustar” uma vez em arremate de Bruno Matias, que o goleiro da Bolívia Querida defendeu com tranquilidade. Mas ao longo de todo o primeiro tempo, o time gaúcho se limitou apenas a se segurar na defesa e evitar o gol do time maranhense.

SAMPAIO CRIA VÁRIAS JOGADAS, MAS NADA DO GOL SAIR
O Sampaio Corrêa conseguiu criar muitas e boas oportunidades ao longo da etapa inicial, mas o goleiro Marcelo, do Brasil de Pelotas, e a falta de pontaria dos atacantes da Bolívia Querida não permitiram que o gol saísse. Sendo assim, a partida acabou indo para o intervalo empatada por 0 a 0.

SEGUNDO TEMPO
SAMPAIO CORRÊA FINALMENTE MARCA
O Sampaio Corrêa voltou para etapa complementar pressionando. Mas desta vez o Brasil de Pelotas só conseguiu segurar a pressão durante 8 minutos. Pimentinha faz boa jogada, a bola sobra na pequena área, e Roney mostrou oportunismo para finalizar e abrir o marcador: 1 a 0 para Bolívia Querida.

BRASIL DE PELOTAS EMPATA O JOGO
Mas a vantagem do time maranhense durou exatos 8 minutos. Wesley conseguiu achar Erison dentro da área, a defesa do Sampaio Corrêa não chegou a tempo para bloquear o atacante, que finalizou cruzado e empatou o jogo: 1 a 1.

SAMPAIO CORRÊA CRIA CHANCES, MAS NÃO MARCA
A Bolívia Querida se lançou desesperadamente para o ataque atrás do segundo gol. O time maranhense tentou de várias formas fazer o seu gol, mas a bola insistia em não entrar em chances perdidas por Jackson, Pimentinha (duas vezes) e Jean Silva.

FINALMENTE SAI O GOL DO SAMPAIO CORRÊA
Quando parecia que a partida acabaria mesmo empatada, o Sampaio Corrêa conseguiu marcar o segundo gol. Aos 45 minutos, Pimentinha invadiu a área e passou para Maurício. O volante limpou a jogada e marcou o gol da vitória: 2 a 1 para Bolívia Querida.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos