Com Edmundo, Romário e ele mesmo, Ramon escala o Vasco dos sonhos


Desafiado pelo preparador de goleiros Carlos Germano na Vasco TV, Ramon Menezes, técnico do Vasco escalou aquele que seria o Vasco dos sonhos dele. Assim como o ex-companheiro de time e, atualmente, da comissão técnica, ele optou por jogadores que atuaram com ele. Confira como ficou o time:

Carlos Germano, Vágner, Válber, Mauro Galvão e Gilberto; Juninho Pernambucano, Felipe, Ramon e Pedrinho; Edmundo e Romário - Técnico: Antônio Lopes.

Veja as análises de Ramon para cada escolhido:

Carlos Germano: "Teve papel fundamental nas conquistas, transmitiu muita segurança. Naturalidade e segurança muito grandes. Principalmente nos jogos fora de casa, atuações, posicionamento, por isso é meu goleiro."

Válber: "Vou tirar o Válber da lateral direita, onde terminou o ano de 1997, e vou colocar como meu zagueiro central. Muita qualidade técnica, pode fazer outras funções, como atuou como volante, lateral. Vou encaixar como zagueiro central."

Mauro Galvão: "Jogador excepcional, importantíssimo para aquela geração. Com a braçadeira de capitão ou sem ela ele era um líder positivo daquele grupo. Coloco como quarto zagueiro."

Vágner: "Jogador que poderia jogar em várias posições, muito forte, quando descia para apoiar causava muitos problemas para o adversário."

Gilberto: "Muito forte, muita técnica nos duelos ofensivos e defensivos. Pela técnica que tinha, quando saiu do Vasco jogou mais à frente."

Juninho: "Vou recuar o Juninho um pouquinho. Fantástico, leitura de jogo impressionante na hora de marcar e de jogar. Com a bola, se não fosse pressionado, era problema para o adversário. Colocava o companheiro em posição de fazer um grande lance, muito potencial. Bola parada, batia como ninguém."

Felipe: "Jogador excepcional. Quando via o jogo de frente, drible, improviso, condição de colocar um companheiro na cara do gol."

Ramon: "Eu, como sou o dono da bola e estou fazendo a minha seleção, vou me colocar pelo lado direito. Já fazia assim com o professor Lopes, principalmente na transição defensiva, ora do lado esquerdo, ora do lado direito, mas sempre ajudando na marcação. Com a bola, criatividade para jogar, infiltrar, penetrar, gostava de fazer gols, tanto é que fiz vários gols com a camisa do Vasco."

Pedrinho: "Jogador excepcional, inteligentíssimo para jogar, tinha chute de fora da área, batia falta, escanteio. Felicidade muito grande de ter jogado do lado do Pedrinho. Entrosamento muito grande com o Felipe."

Edmundo e Romário: "Na frente, deixando mais à vontade o Edmundo e o Romário. Não precisa falar muito. Se pegar os jogadores que mais fizeram gols em Campeonatos Brasileiros eles vão estar. Com a camisa do Vasco eles marcaram os nomes com a camisa do clube."

Antônio Lopes: "Uma referência para mim como profissional. Desejo seguir os passos dele no clube, tendo sequência e bons resultados."



























Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também