Com "dores na coxa", Neymar desfalca o Brasil contra a Argentina

·2 min de leitura
Neymar durante a partida das eliminatórias da Copa do Mundo de 2022 contra a Colômbia, em 11 de novembro de 2021 em São Paulo (AFP/NELSON ALMEIDA)

O atacante Neymar não vai enfrentar a Argentina de Lionel Messi nesta terça-feira, em San Juan, depois de sentir "dores na coxa", anunciou a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) nesta segunda, na véspera do superclássico pelas eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2022.

"Após o treino realizado na Academia de Futebol do Palmeiras na manhã desta segunda-feira (15), o atleta Neymar Jr. queixou-se de dores na região do adutor da coxa esquerda (...) Por não haver tempo hábil para a realização de exames complementares, a comissão técnica optou por preservar o jogador, que não viajará com a delegação da Seleção Brasileira para San Juan", diz o comunicado da CBF.

Se os exames confirmarem uma lesão, o jogador do PSG também pode perder a partida de sábado contra o Nantes, pela Ligue 1, e talvez também o duelo do dia 24 de novembro contra o Manchester City, pela Liga dos Campeões.

Neymar, de 29 anos, sofreu com problemas físicos desde que se juntou ao clube parisiense durante a temporada 2017-2018.

Ao longo dos primeiros dois anos no PSG, sofreu uma lesão no pé direito e o clube da capital foi eliminado duas vezes na fase de mata-mata da Liga dos Campeões.

O camisa 10 também teve de abrir mão da disputa da Copa América-2019, vencida pelo Brasil em casa, dessa vez devido a uma lesão no tornozelo.

Com um início de temporada de altos e baixos pelo PSG, Neymar foi decisivo na última quinta-feira com o Brasil contra a Colômbia, com um passe perfeito para o único gol da partida, marcado pelo jogador do Lyon, Lucas Paquetá, na vitória que garantiu a classificação de seu país para o Copa do Mundo do Catar.

Com sete gols, ele é o artilheiro da Seleção nas Eliminatórias.

lg/lab/dep/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos