Com clima pesado, Vasco visita Vitória para encerrar má fase

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ambiente em São Januário não é dos melhores nos últimos anos. O clube não ganha um título nacional da série A desde 2000, quando foi campeão do Torneio João Havelange. Pior, acumula rebaixamentos atrás de rebaixamentos -é o time grande com mais quedas para a série B, três no total.

Nem bem retornou à elite em 2017 e a atmosfera já está pesada novamente. Isso porque o clube não faz boa campanha no ano. Na Taça Guanabara, seis jogos, três vitórias e três derrotas. Estreou na Taça Rio somente com um empate diante do Macaé, que havia perdido todos os jogos no primeiro turno. Mas o auge dos protestos da torcida contra o treinador Cristóvão Borges e o presidente Eurico Miranda se deu na semana passada, após empatar por 1 a 1 com o Vitória no Rio, no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil.

Nesta quinta-feira (16), às 19h30, no Barradão, em Salvador, o Vasco tem a chance de contornar essa situação, que começa a incomodar os jogadores. “Parece que caímos de novo”, reclamou Nenê na entrevista coletiva desta quarta-feira (15). A aposta, além de Nenê, principal peça do time há dois anos, é em Luís Fabiano, que faz sua segunda partida pelo clube, e está ansioso para marcar o primeiro gol.

O Vitória, que entra em campo classificado com o empate em 0 a 0, não quer nem saber de segurar a vantagem. Os comandados de Argel Fucks prometem ir em busca da vitória. “ Não vamos entrar em campo pensando na vantagem que temos, até porque, em uma decisão como essa, ela é mínima”, disse o volante Willian Farias. O time ostenta uma invencibilidade de dez jogos, que pode servir como trunfo à classificação.

VASCO

Martín Silva; Gilberto, Rodrigo, Rafael Marques e Henrique; Jean, Douglas, Escudero e Nenê; Luís Fabiano e Kelvin. T.: Cristóvão Borges.

VITÓRIA

Fernando Miguel; Patric, Kanu, Alan Costa e Geferson; Willian Farias, Gabriel Xavier, José Welison e Cleiton Xavier; Paulinho e Kieza. T.: Argel Fucks.

Estádio: Barradão, em Salvador (BA)

Horário: 19h30

Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA)