Coluna: Verdão terá 60% dos direitos de Luan; Timão corta gastos na arena; SP se acerta com parceiro...

Luan assinou contrato de quatro anos com o Verdão (Fabio Mernotti/Ag. Palmeiras)

Os R$ 10,2 milhões usados pela Crefisa na compra de Luan, do Vasco, garantirão 60% dos direitos econômicos do zagueiro ao Palmeiras. A porcentagem foi confirmada por um dirigente alviverde com exclusividade ao Blog. O Vasco, que detinha 55%, segue com uma fatia superior a 30% – o clube carioca preferiu não confirmar o número.

Assim como ocorre com Luan, o Palmeiras detém a maior parte dos direitos econômicos de suas principais estrelas. Dudu, Tchê Tchê, Fernando Prass e Felipe Melo, por exemplo, estão 100% presos ao clube. Já os colombianos Mina e Borja tiveram 80% e 70%, respectivamente, dos direitos comprados. Na sequência, aparecem Raphael Veiga (65%), Keno (60%) e Vitor Hugo (50%).

O único caso que preocupa a diretoria é o de Roger Guedes, de quem o Verdão possui apenas 25% de uma futura venda. O restante pertence ao Criciúma, que pede R$ 5 milhões por mais 25%, valor considerado irreal pelo presidente Maurício Galiotte.

Redução de custos:
A dificuldade em bancar as contas da arena fez o Corinthians rediscutir todos os contratos de prestação de serviço. E a Tejofran, que cuida da limpeza do estádio, terá seu faturamento reduzido de R$ 1,3 milhão para R$ 650 mil por mês.

Manutenção pesada:
O Corinthians gastava até o mês passado R$ 2,5 milhões mensais apenas com custos de manutenção da arena. Somado aos R$ 3,8 milhões dos juros da dívida do financiamento, o estádio precisava gerar R$ 6,3 milhões mensais para não dar prejuízo.

Impasse tricolor…
O São Paulo não corre mais risco de perder o contrato de patrocínio com a Corr Plastik, que garantirá R$ 4,8 milhões por 18 meses. As partes chegaram a um acordo e a empresa estampará sua marca no peito e nas costas da camisa por três meses.

…resolvido
No contrato original, a Corr Plastik ficaria nas mangas da camisa do time e no uniforme da comissão técnica. Porém, como o Blog revelou em 16 de março, Rogério Ceni se recusou a usar a marca da parceira causando um enorme mal-estar.

Vida ou morte:
A Portuguesa precisa vencer o Guarani no domingo, às 11h da manhã, para continuar com chances de disputar as semifinais da Série A-2 do Paulista. A Lusa está a quatro pontos do 4º colocado, que é justamente o Bugre – o duelo está marcado para o Brinco de Ouro, em Campinas.

100%
O técnico Vadão venceu todos os pontos que disputou desde que assumiu o Guarani. São três vitórias em três jogos, que fizeram o time campineiro saltar da metade da tabela para o G4. O Bugre bateu o Água Santa (2 a 1), o Taubaté (1 a 0) e o Sertãozinho (5 a 0).

Ganso?
O Santos confirma a viagem do presidente Modesto Roma Júnior à Espanha, mas assegura que ela não tem a ver com qualquer negociação para a compra de Ganso. “Tanto que o Modesto está acompanhado pelo diretor jurídico, que não tem nada a ver com contratações”, explica um santista.

Fim da guerra:
Antes de embarcar, Modesto afirmou para pessoas próximas que se reuniria com o Barcelona para tentar chegar a um acordo em relação à polêmica venda de Neymar. O Peixe chegou a entrar na Justiça porque se considerou lesado.

Para acessar outras notícias do Blog do Jorge Nicola, clique aqui: