Coluna: Jadson pode virar o atleta da Puma mais bem pago do Brasil

Jorge Nicola
Antes de fechar com a Puma, Jadson tinha propostas de Adidas e Nike

 

O corintiano Jadson precisou abrir mão de muito dinheiro para deixar a China, mas a volta ao Brasil também tem seus lados positivos. Nesta semana, o meia assinou com a Puma contrato que pode fazer dele um dos jogadores mais bem pagos do país por uma empresa de material esportivo – se alcançar algumas metas estipuladas, ele será dono do melhor acordo com a Puma no Brasil.

A multinacional, que veste a seleção italiana, o Arsenal, o Borussia Dortmund, entre outros, também patrocina em território nacional o palmeirense Moisés, o vascaíno Nenê, o santista Vitor Bueno e o são-paulino Neílton.

Os valores do acordo com Jadson não foram revelados, mas se tornaram ainda mais altos depois da concorrência com Adidas e Nike – empresário do meia, Marcelo Robalinho conduziu as negociações. A cifra pode aproximá-lo de Dudu (da Nike) e Felipe Melo e Diego Ribas (da Adidas) se o corintiano bater um número de jogos, conquistar títulos, se tornar artilheiro…

Festa em família:
Diego Souza estava tão esperançoso com a chance de ser convocado para a seleção que permitiu que seu filho faltasse na escola nesta sexta-feira. “Ele assistiu pela TV comigo. E foi bem legal ver a alegria dele”, conta o meia-atacante do Sport, chamado por Tite para os jogos contra Uruguai e Paraguai.

Longa invencibilidade:
Por falar no Sport, o time de Diego Souza ainda não perdeu nesta temporada sob o comando de Daniel Paulista. O Leão soma sete vitórias e quatro empates em 2017 por três competições diferentes: Copa do Nordeste, Pernambucano e Copa do Brasil.

Saída momentânea?
A Portuguesa anunciou na noite desta quinta-feira a saída de Emerson Leão do cargo de consultor técnico. Mas o ex-técnico da seleção brasileira pode voltar em breve. Ele deve se reunir com o presidente Alexandre Barros na próxima semana para selar a paz.

Reforços lusos:
A Portuguesa espera anunciar até segunda-feira os últimos quatro reforços para o Paulistão. Um deles deverá ser o meia Eder Loko. A Lusa também negocia com um lateral-direito, um meia e um atacante. Rico, ex-Santista, já está regularizado e deve estrear contra o Capivariano, neste sábado.

Ajudinha do clube:
O Palmeiras só não iniciou 2017 no vermelho por causa de sua sede social. A receita de R$ 615 mil garantida pelos sócios do Verdão cobriu o prejuízo de R$ 147 mil com esportes não profissionais e de R$ 4 mil com o departamento de futebol – o saldo final foi de R$ 463 mil no azul.

Aprovação total:
Todos os membros do COF (Conselho de Orientação Fiscal) do Palmeiras aprovaram as contas de janeiro, apesar dos gastos de R$ 30,7 milhões com o futebol profissional e de base. É a maior despesa do departamento em muito tempo.

No BID:
Demorou, mas o zagueiro corintiano Del’Amore enfim foi emprestado ao Fortaleza. Antes da cessão até o fim da temporada, ele renovou o vínculo com o Timão – até dezembro de 2019.

Efeito Marquinhos:
Depois de ser campeão da Copinha, Del’Amore recebeu proposta de empréstimo da Lazio com valor de compra definido. Preocupado em ver se repetir o que aconteceu com Marquinhos, hoje um dos zagueiros mais caros do mundo, o Corinthians disse “não” aos italianos.

Duelo gremista:
André Zanotta e Felipe Ximenes são os principais candidatos ao cargo de diretor-executivo do Grêmio, que está vago desde o ano passado, com a saída de Rui Costa. Zanotta já trabalhou no Santos e no Sport, enquanto Ximenes esteve em Flamengo, Fluminense, Coritiba…

Sobrando…
Vendido ao Atlético de Madrid por R$ 20 milhões, o zagueiro Lyanco não foi inscrito pelo São Paulo no Paulistão. A última das 28 vagas acabou sendo preenchida nesta sexta-feira pelo volante Wellington, revelado no próprio Tricolor.

…no Morumbi
O atacante Caíque e o lateral-direito Foguete também acabaram preteridos. Foguete, inclusive, foi emprestado nesta sexta-feira para o Vila Nova, que disputa o Campeonato Goiano.

Argentino inscrito:
Sem conseguir contratar um zagueiro, o Santos acabou relacionando o argentino Fabian Noguera na lista de 28 atletas do Paulistão. O defensor contratado do Banfield, no ano passado, não parecia estar nos planos de Dorival.

E colombiano não:
Já Vladimir Hernandez, contratado em outubro de 2016, segue sem condições de jogar. Tudo porque o Junior Barranquilla só emitirá o atestado liberatório depois de o Santos apresentar garantias bancárias para as duas parcelas finais da compra do atacante.

Para acessar outras notícias do Blog do Jorge Nicola, clique aqui: