Collins derrota Swiatek e disputará final do Aberto da Austrália contra Barty

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Danielle Collins durante partida contra Iga Swiatek no Aberto da Austrália
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

MELBOURNE (Reuters) - A tenista norte-americana Danielle Collins derrotou nesta quinta-feira a polonesa Iga Swiatek com uma vitória esmagadora por 6-4 e 6-1 pelo Aberto da Austrália e mostrou que será um obstáculo para a australiana favorita ao título Ash Barty, a quem ela enfrentará em sua primeira final de Grand Slam.

Mais cedo, Barty havia vencido a norte-americana Madison Keys, e Collins, que está em 30º no ranking mundial, protagonizou uma performance igualmente dominante para não dar chance a ex-campeã do Aberto da França, Swiatek.

A número 1 do mundo no tênis, Barty, é grande favorita para vencer o torneio no sábado, enquanto tenta se tornar a primeira australiana a vencer o Aberto da Austrália desde Chris O'Neil, em 1978.

Mas Collins, de 28 anos, produto do sistema universitário norte-americano e duas vezes campeã da NCAA, mostrou na disputa contra Swiatek que pode estar entre as melhores.

Ela fez um início esmagador na Rod Laver Arena, sobrecarregando Swiatek com sua potência e agressividade, o que a levou a abrir vantagem de 4-0.

"É incrível. Tem sido uma jornada e tanto. São tantos anos de trabalho duro", disse Collins, que em abril do ano passado precisou passar por uma cirurgia de emergência para tratar endometriose.

(Por Martyn Herman)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos