Colômbia enfrentará Brasil em amistoso sem James e Falcao

AFP
A Colômbia jogará pela primeira vez sem suas duas maiores referências, James Rodríguez e Falcao García, desde o início da era do técnico Carlos Queiroz
A Colômbia jogará pela primeira vez sem suas duas maiores referências, James Rodríguez e Falcao García, desde o início da era do técnico Carlos Queiroz

A Colômbia jogará pela primeira vez sem suas duas maiores referências, James Rodríguez e Falcao García, desde o início da era do técnico Carlos Queiroz. O português não convocou as duas estrelas para os amistosos contra Brasil e Venezuela, em 6 e 10 de setembro.

Queiroz, que assumiu em fevereiro o comando da seleção colombiana, publicou nesta terça-feira a lista de 24 jogadores convocados para os amistosos, que serão disputados nos Estados Unidos.

Será a primeira partida da Colômbia desde a Copa América no Brasil de junho, quando foi eliminada nas quartas de final pelo Chile.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Queiroz enfrentará os dois duelos sem Falcao, artilheiro histórico da Colômbia e jogador do Monaco, nem James Rodríguez, estrela de 28 anos que voltou ao Real Madrid após duas temporadas no Bayern de Munique.

James jogou no sábado contra o Valladolid, mas saiu lesionado de campo no segundo tempo com uma lesão na panturrilha. Já Falcao vem sofrendo com um problema no tornozelo.

Queiroz evitou comentar as ausências das duas estrelas colombianas e preferiu destacar os próximos desafios de sua equipe, principalmente o duelo com a seleção brasileira de Neymar, recuperado da lesão no tornozelo que o tirou da Copa América.

"Vamos jogar contra o campeão da Copa América, a seleção número dois do ranking (da Fifa) e é uma oportunidade fantástica para sabermos onde estamos", declarou o português em coletiva de imprensa.

Com Queiroz no comando, a Colômbia disputou oito jogos, quatro deles oficiais, somando seis vitórias e duas derrotas.

- Lista de convocados da Colômbia:

Goleiros: David Ospina (Napoli, ITA), Álvaro Montero (Deportes Tolima), Aldair Quintana (Atlético Nacional) e Éder Chaux (Patriotas).

Defensores: Stefan Medina (Rayados, MEX), Luis Manuel Orejuela (Cruzeiro, BRA), Wiliam Tesillo (León, MEX), Cristian Borja (Sporting de Lisboa, POR), Dávinson Sánchez (Tottenham, ING), Yerry Mina (Everton, ING), Óscar Murillo (Pachuca, MEX), Jhon Lucumí (Genk, BEL)

Meias: Wilmar Barrios (Zenit, RUS), Jéfferson Lerma (Bournemouth, ING), Juan Guillermo Cuadrado (Juventus, ITA), Mateus Uribe (Porto, POR), Luis Díaz (Porto, POR), Orlando Berrío (Flamengo, BRA), Yairo Moreno (León, MEX), Daniel Muñoz (Atlético Nacional, COL).

Atacantes: Rafael Santos Borré (River Plate, ARG), Roger Martínez (América, MEX), Duván Zapata (Atalanta, ITA), Luis Fernando Muriel (Atalanta, ITA)

Leia também