Colômbia empata no fim com a Argentina (2-2) nas Eliminatórias para Copa de 2022

·3 minuto de leitura
Miguel Angel Borja comemora o gol de empate da Colômbia contra a Argentina no jogo das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo do Catar-2022, disputada em Barranquilla, na Colômbia, em 8 de junho de 2021

A Argentina deixou escapar na reta final uma vitória como visitante diante da Colômbia e teve que se contentar com o empate em 2 a 2 nesta terça-feira, em Barranquilla, pela oitava rodada das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo do Catar-2022.

O zagueiro Cristian Romero abriu o placar para a 'Albiceleste' aos 3 minutos com uma cabeçada e o meia Leandro Paredes aumentou a vantagem cinco minutos depois, se livrando de vários jogadores da frágil defesa colombiana.

No segundo tempo, a Colômbia salvou a noite: Luis Muriel descontou convertendo um pênalti aos 51 minutos após uma cotovelada irresponsável de Otamendi sobre Mateus Uribe na grande área, e Miguel Borja empatou de cabeça nos últimos instantes (90+4).

A partida foi disputada enquanto manifestantes e tropas de choque se enfrentavam no entorno do Estádio Metropolitano, que contou com a presença de público nas arquibancadas após a decisão do governo de autorizar 25% da lotação, apesar da explosão de infecções e mortes causadas pela pandemia.

Os argentinos chegaram a 12 pontos e estão atrás do líder Brasil, que vem fazendo uma campanha 100% com 15 pontos em cinco jogos disputados. A Colômbia chegou a 8 pontos e subiu para o quinto lugar, que leva à disputa do playoff intercontinental.

O Equador, com 9, e Uruguai, que tem 8, mas supera a Colômbia no saldo de gols, completam o grupo das quatro seleções que se classificam diretamente para a Copa do Mundo.

"Entramos para pressionar, marcamos dois gols. Infelizmente no segundo tempo não conseguimos segurar, acho que estávamos cansados", admitiu o atacante argentino da Inter de Milão, Lautaro Martínez.

- Argentina começa bem -

A alegria da torcida que voltou às arquibancadas do Metropolitano pela primeira vez em 15 meses não durou muito.

No terceiro minuto de jogo, o argentino Rodrigo De Paul fez um cruzamento perfeito da direita. O zagueiro central Cristian Romero surpreendeu a retaguarda colombiana com uma cabeçada violenta que David Ospina não conseguiu defender. Foi o primeiro gol do jogador da Atalanta com a camisa albiceleste em sua segunda partida pela seleção principal.

Mas os argentinos não se deram por satisfeitos.

Apenas cinco minutos depois, os jogadores comandados por Scaloni voltaram a superar os defensores colombianos em um lance de bola parada. Leandro Paredes recebeu na entrada da área após alguns rebotes, se livrou dos marcadores e definiu de pé esquerdo marcando o segundo gol.

Encurralado pelo adversário, o técnico colombiano Reinaldo Rueda mudou o esquema antes de meia hora de jogo. O meio-campista Jefferson Lerma deixou o campo aos 29 minutos para dar lugar ao atacante da Atalanta, Luis Muriel.

Scaloni também foi forçado a fazer uma alteração antes do intervalo. O goleiro Emiliano Martínez se lesionou após uma forte colisão com Yerry Mina e Agustín Marchesin entrou no seu lugar.

- Reação colombiana -

No intervalo, Rueda acabou desfazendo sua proposta defensiva para colocar em campo o talentoso meia-atacante do Boca Juniors, Edwin Cardona, e o goleiro do Junior Barranquilla, Miguel Borja. No entanto, o gol veio mais por causa de um erro dos argentinos do que por mérito dos colombianos.

No início do segundo tempo, o zagueiro Nicolás Otamendi deu uma cotovelada inexplicável em Uribe na grande área. Bem posicionado, o árbitro chileno Roberto Tovar marcou pênalti que Muriel cobrou com sutileza para diminuir a vantagem e empolgar a torcida.

Com três atacantes em campo, os colombianos correram atrás do empate, abrindo sua defesa. Messi, em uma cobrança de falta, e Lautaro, após um brilhante passe do craque, quase decretaram a vitória, mas esbarraram em um inspirado Ospina.

O ataque colombiano foi premiado nos acréscimos. Com a Argentina fechada em sua área, Cuadrado cruzou com precisão e Borja desviou de cabeça levando ao delírio os torcedores, que comemoraram o empate como se fosse uma vitória.

jss/vel/cl/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos